Menu
LIMIT ACADEMIA
sexta, 14 de dezembro de 2018
SADER_FULL
Busca
CANTINA BAH
Brasil

Ruralistas ocupam 30% do novo Senado

9 Out 2010 - 08h21Por Folha Online

A candidata a presidente Dilma Rousseff (PT) tem ao seu lado a maioria dos ruralistas quando se considera a composição do Senado a partir de 1º de fevereiro de 2011.

Há 24 senadores da próxima legislatura, ou 30% da Casa, com algum interesse agropecuário, segundo suas fichas entregues à Justiça Eleitoral no momento em que se candidataram. Desses, 15 são pró-Dilma e 9 são a favor de José Serra (PSDB).

Tanto Dilma como Serra hoje disputam o espólio de quase 20 milhões de votos deixado por Marina Silva (PV) no primeiro turno da eleição presidencial. Os ambientalistas sempre esbarram na bancada ruralista no Congresso quando querem aprovar alguma medida relacionada ao meio ambiente.

Na nova composição do Senado, a bancada com interesses agropecuários, espalhada por 17 Estados, é maior do que na legislatura atual.

Hoje, 20 senadores possuem, conforme suas declarações de bens apresentadas à Justiça Eleitoral, propriedades rurais com mais de 100 hectares ou têm participação societária em empresas do setor agrícola ou pecuário.

A maioria ruralista pró-Dilma acompanha a composição de forças de um eventual governo petista, com maioria absoluta formada pelos hoje aliados da candidata do PT.

EMPRESÁRIOS

Levantamento feito pela Folha considerando o perfil de todos os 81 senadores a partir de 2011 mostra também que haverá 54 a favor de Dilma --exatamente 2/3 da Casa, suficiente para aprovar qualquer projeto de lei. Outros 24 são a favor de Serra e 3 se declaram neutros no segundo turno.

Há 33 senadores que conciliarão o mandato público com algum tipo de interesse empresarial privado --por serem proprietários ou acionistas de empresas. Entre esses empresários, hoje 24 estão com a candidata do PT e 9 alinhados com o tucano.

O levantamento também mostra que quase metade do novo Senado será formada por "milionários". São 36 congressistas com patrimônio acima de R$ 1 milhão.

Cinco senadores têm bens declarados acima de R$ 10 milhões. Todos apoiam Dilma: Marta Suplicy (PT-SP), Ivo Cassol (PP-RO), Eunício Oliveira (PMDB-CE), Eduardo Braga (PMDB-AM) e Blairo Maggi (PR-MT).

Exceto Marta Suplicy, os outros quatro com bens acima de R$ 10 milhões têm interesses agropecuários.

CASADOS

O Senado de 2011 tem uma composição majoritariamente familiar. Há 61 senadores casados. Outros 14 são divorciados, 4 são separados judicialmente e uma é viúva --Kátia Abreu (DEM-TO). O único solteiro é Sérgio Petecão (PMN-AC). Abreu e Petecão são aliados de Serra.

Deixe seu Comentário

Leia Também

JUSTIÇA - WHATSAPP
Administradora de grupo no WhatsApp, foi “condenada” á pagar 3 mil por discussão de membros
DICAS DE SERVIÇO DE HOSPEDAGEM NA WEB
Vai criar um blog ou um site?, saiba aqui tudo sobre o serviço de hospedagem
ALERTA NA NET
Golpe no WhatsApp engana usuários ao prometer brindes falsos de Natal
NOVELA GLOBAL
'O sétimo guardião': Luz passa mal ao abraçar e beijar a mãe pela primeira vez
FURACÃO
Atlético-PR ganha nos penaltis e é campeão da Sul-Americana
PROVAS ROBUSTAS
PF apreende R$ 2 milhões em busca em endereços de Aécio e aliados de Temer
INCREDIBILIDADE
Um Governo ficha-suja: mais da metade dos ministros estão enrolados
NOVELA GLOBAL
'O sétimo guardião': Aranha descobre marca de pata de gato de Gabriel, tira foto e conta aos guardiã
SUSTO
Celular pega fogo no bolso da calça e deixa homem com queimaduras na perna e mãos
PROCURADO
Com prisão decretada desde setembro, Dado Dolabella é considerado foragido da Justiça