Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
terça, 18 de dezembro de 2018
SADER_FULL
Busca
ITALÍNEA
Brasil

Rio Brilhante será fiscalizado pela CGU

11 Ago 2004 - 13h03
 

O município sul-mato-grossense de Rio Brilhante é um dos 60 sorteados pela CGU (Controladoria-Geral da União) hoje, no auditório da Caixa Econômica Federal, em Brasília, para passar por fiscalização sobre o uso de recursos públicos federais. Este é o 12º sorteio entre áreas com população de até 500 mil habitantes. Desde abril do ano passado, quando a CGU deu início ao Programa de Fiscalização a partir deste sistema, já foram sorteadas e fiscalizadas 501 áreas municipais em todo o País.

Com o sorteio desta quarta-feira, esse número passa para 561. Até agora, foram divulgados os resultados das fiscalizações de sete sorteios, os quais revelaram inúmeras irregularidades na utilização de verbas federais aplicadas nos municípios, seja na esfera municipal, estadual e federal. Seis municípios sul-mato-grossenses já tiveram irregularidades em suas contas apontadas pela CGU. Neste ano, a CGU pretende ampliar o programa, incluindo nas fiscalizações os grandes programas de investimento do Governo Federal executados pelos Estados.

 

 

 

 

 

Mídia Max

Deixe seu Comentário

Leia Também

FAMOSIDADES
Silvio Santos se pronuncia sobre polêmica com Claudia Leitte e reage a campanha feminista
NOVELA GLOBAL
'O sétimo guardião': Sóstenes cometeu crime por amor a Luz
ABUSO SEXUAL
João de Deus se entrega para a polícia
ACIDENTE
Criança de dois anos se enforca com a alça da bolsa enquanto brincava em escola
CASO JOÃO DE DEUS
Marina Ruy Barbosa intervém no caso João de Deus e impede uma grande tragédia
PRISÃO DECRETADA
Justiça de Goiás decreta prisão de João de Deus
STARTUPS NO BRASIL JÁ É SUCESSO
O sucesso das startups no Brasil e algumas novas apostas no mercado
REVOLTANTE
Filha de João de Deus diz que foi abusada dos 10 aos 14 anos: 'Meu pai é um monstro'
NOVELA GLOBAL
'O sétimo guardião': Robério beija Marcos Paulo e a agride ao descobrir que ela é trans
DESTAQUE MUNDIAL
Dois brasileiros estão no Top 50: melhores professores do mundo