Menu
LIMIT ACADEMIA
quarta, 17 de outubro de 2018
SADER_FULL
Busca
ITALÍNEA
Brasil

Revista traz 4 empresas de MS entre mil maiores do País

27 Jul 2004 - 15h44
Publicação especial do jornal Valor Econômico traz quatro empresas de Mato Grosso do Sul entre as mil maiores do Brasil. A revista, entregue hoje, coloca a Enersul como a empresa com melhor desempenho financeiro no Estado. É a primeira entre as citadas de Mato Grosso do Sul, subindo da posição 398 no ano de 2002 para 332 no ranking feito este ano pelo Valor.
Os dados contábeis apontam receita líquida de R$ 563,6 milhões no ano passado, período avaliado para a elaboração do ranking, com lucro líquido de R$ 13,9 milhões e patrimônio líquido de R$ 443 milhões.
Na seqüência, vem a empresa de alimentos Amambai, com receita líquida de R$ 503 milhões e posição 358 no ranking. Na edição de 2002 ela não constou. A terceira de MS e 422ª no ranking é a Cooagri, que teve receita líquida de R$ 411,2 milhões. A Vivo, empresa de telefonia celular, é a quarta, com posição 703 no ranking. A receita líquida dela no ano passado foi de R$ 231 milhões. No ano anterior, 2002, ela ocupou a colocação 813 no ranking do Valor Econômico.
 
 
 
Campo Grande News

Deixe seu Comentário

Leia Também

LUTO NO JORNALISMO
Morre Gil Gomes, jornalista policial, aos 78 anos, em São Paulo
SELEÇÃO BRASILEIRA
Brasil vence a Argentina com gol de Miranda nos acréscimos e conquista o Superclássico
HORARIO DE VERÃO
Início do horário de verão não será adiado, informa o Planalto
IBOPE PARA PRESIDENTE
Ibope para presidente, votos válidos: Bolsonaro, 59%; Haddad, 41%
ASSASSINATO
Rapaz agride avós de adolescente que não quis namorar com ele; avó morreu
TRAGEDIA NA RODOVIA
Carro ocupado por sete pessoas se envolve em acidente; cinco morreram
REVOLTANTE
Menina de 11 anos é estuprada por detento ao visitar irmão em presídio
ACIDENTE FATAL
Douradense morre em acidente no RS
REALITY SHOW
A Fazenda 10: Ana Paula é eliminada e se manifesta contra Bolsonaro
FACÇÃO CRIMINOSA
Decapitada por Satã do PCC, jovem morreu por exigir respeito após roubo de chinelo