Menu
SADER_FULL
terça, 25 de setembro de 2018
LIMIT ACADEMIA
Busca
SICREDI_FATIMA
Brasil

Renato dá vitória ao Flamengo em duelo brasileiro

15 Mar 2007 - 07h30

Com um gol do meia Renato, o Flamengo derrotou o Paraná por 1 a 0, nesta quarta-feira, em Curitiba, no primeiro duelo brasileiro pela Libertadores em 2007. O fato triste da partida envolveu o zagueiro João Vitor, do time paranaense, que quebrou o braço esquerdo em um lance de jogo.

Vitorioso, o Flamengo assumiu a liderança isolada do Grupo 5, com sete pontos ganhos. Já o Paraná conheceu sua primeira derrota na competição e estacionou nos seis pontos. Os dois times voltam a se enfrentar na próxima quarta-feira, no Rio de Janeiro.

A partida foi iniciada e o Flamengo logo ameaçou a meta do Paraná. Aos 5min, Roni aproveitou vacilo de Neguette, tentou invadir a área pelo meio e caiu ao ser tocado pelo zagueiro. O atacante pediu pênalti, mas o juiz não marcou.

O Paraná respondeu aos 8min, quando Henrique acertou bom passe para Josiel, que errou o domínio dentro da área e desperdiçou o lance de ataque dos donos da casa.

Apesar de movimentado, o jogo exibia alguns lances mais duros. O árbitro da partida, o brasileiro Leonardo Gaciba, chegou a pedir calma para os jogadores do Flamengo e do Paraná.

Em um lance inusitado, aos 19min, o Flamengo quase abriu o placar. Roni tabelou com Juan e cruzou: João Vitor travou e, após um chute forte de Souza, a bola desviou no zagueiro do Paraná e bateu na trave.

Quem se deu mal no lance foi João Vitor, do Paraná. O zagueiro quebrou o braço no lance e foi substituído pelo meio-campo Joélson. Fora de campo, o jogador foi atendido pelos médicos.

Para azar do Paraná, o Flamengo abriu o placar da partida logo em seguida. Aos 23min, o lateral-direito Leonardo Moura levantou na área e o meia Renato, de cabeça, encobriu o goleiro Flávio e marcou.

Após o gol o ritmo da partida diminui, com os dois times trocando vários passes curtos. Em desvantagem, o Paraná chegou a ameaçar a meta do Flamengo, mas o placar permaneceu o mesmo até o fim da primeira etapa.

O segundo tempo começou e o Paraná partiu em busca do empate. O time tricolor mostrava disposição, mas esbarrava na zaga do Flamengo. O time carioca, por sua vez, se segurava na defesa.

O técnico Zetti decidiu mexer no time aos 15min, colocando o atacante Vinícius Pacheco no lugar do volante Xaves. O jogador entrou bem em campo, mas não conseguiu furar o bloqueio carioca.

O Paraná seguiu criando boas chances de gol, mas não conseguiu convertê-las. O time da casa ainda ficou com um homem a menos aos 43min, após Neguette cometer falta dura e ser expulso.

 

 

Terra

Deixe seu Comentário

Leia Também

VEICULO ROUBADO
Carro roubado é arrastado por onibus; suspeito ficou gravemente ferido
AMEAÇAS
Marilia Mendonça Denuncia ameaças após aderir à campanha contra Bolsonaro
FATALIDADE
Adolescente sai para jogar futebol com amigos e morre afogado
NOVELA GLOBAL
Em 'Segundo sol', Maura fala sobre transar com homem: 'Detestei'
CORRIDA SUCESSÓRIA
Ibope mostra Bolsonaro estagnado com 28% e Haddad cresce 3 pontos e vai a 22%
FUTEBOL
Pela sexta vez Marta é eleita a melhor jogadora do mundo
FUGA FRACASSADA
Tentativa de fuga termina com agente de cadeia e detentos feridos
ASSASSINATO
Por quebrar "pacto de sangue" homem é assassinado juntamente com amigo
NOVELA GLOBAL
'Segundo sol': Mistérios sobre passado de Karola começam a ser revelados
CORRIDA PRESIDENCIAL
Haddad continua disparada em pesquisa do BTG e se consolida no 2º turno