Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
quarta, 23 de janeiro de 2019
SADER_FULL
Busca
CANTINA BAH
Brasil

Renato dá vitória ao Flamengo em duelo brasileiro

15 Mar 2007 - 07h30

Com um gol do meia Renato, o Flamengo derrotou o Paraná por 1 a 0, nesta quarta-feira, em Curitiba, no primeiro duelo brasileiro pela Libertadores em 2007. O fato triste da partida envolveu o zagueiro João Vitor, do time paranaense, que quebrou o braço esquerdo em um lance de jogo.

Vitorioso, o Flamengo assumiu a liderança isolada do Grupo 5, com sete pontos ganhos. Já o Paraná conheceu sua primeira derrota na competição e estacionou nos seis pontos. Os dois times voltam a se enfrentar na próxima quarta-feira, no Rio de Janeiro.

A partida foi iniciada e o Flamengo logo ameaçou a meta do Paraná. Aos 5min, Roni aproveitou vacilo de Neguette, tentou invadir a área pelo meio e caiu ao ser tocado pelo zagueiro. O atacante pediu pênalti, mas o juiz não marcou.

O Paraná respondeu aos 8min, quando Henrique acertou bom passe para Josiel, que errou o domínio dentro da área e desperdiçou o lance de ataque dos donos da casa.

Apesar de movimentado, o jogo exibia alguns lances mais duros. O árbitro da partida, o brasileiro Leonardo Gaciba, chegou a pedir calma para os jogadores do Flamengo e do Paraná.

Em um lance inusitado, aos 19min, o Flamengo quase abriu o placar. Roni tabelou com Juan e cruzou: João Vitor travou e, após um chute forte de Souza, a bola desviou no zagueiro do Paraná e bateu na trave.

Quem se deu mal no lance foi João Vitor, do Paraná. O zagueiro quebrou o braço no lance e foi substituído pelo meio-campo Joélson. Fora de campo, o jogador foi atendido pelos médicos.

Para azar do Paraná, o Flamengo abriu o placar da partida logo em seguida. Aos 23min, o lateral-direito Leonardo Moura levantou na área e o meia Renato, de cabeça, encobriu o goleiro Flávio e marcou.

Após o gol o ritmo da partida diminui, com os dois times trocando vários passes curtos. Em desvantagem, o Paraná chegou a ameaçar a meta do Flamengo, mas o placar permaneceu o mesmo até o fim da primeira etapa.

O segundo tempo começou e o Paraná partiu em busca do empate. O time tricolor mostrava disposição, mas esbarrava na zaga do Flamengo. O time carioca, por sua vez, se segurava na defesa.

O técnico Zetti decidiu mexer no time aos 15min, colocando o atacante Vinícius Pacheco no lugar do volante Xaves. O jogador entrou bem em campo, mas não conseguiu furar o bloqueio carioca.

O Paraná seguiu criando boas chances de gol, mas não conseguiu convertê-las. O time da casa ainda ficou com um homem a menos aos 43min, após Neguette cometer falta dura e ser expulso.

 

 

Terra

Deixe seu Comentário

Leia Também

ANJO DA GUARDA
Amigo dá lar a mulher que viveu 40 anos internada no HC
MAMATA
General corta contratinho de R$ 30 milhões para manter jornalistas no exterior
PERSISTÊNCIA
Filho de faxineira e porteiro passa em medicina no Paraná
RENOVAÇÃO LICENÇA
Extinção de mais 130 rádios comunitárias no Brasil deve alcançar emissora de Ponta Porã
CENAS FORTES
Vídeo flagra mulher sendo agredida por ex-marido com socos e chutes
GUERRA NO RJ II
Parentes de mortos durante chacina em São Gonçalo e Itaboraí dizem que vítimas eram inocentes
GUERRA NO RJ
Chacina deixa pelo menos 7 mortos na Região Metropolitana do Rio
BBB 19
Famosos protestam contra Maycon por agredir animais e mãe o defende: 'Não é um monstro'
MORTE A ESCLARECER
Exército investiga morte de sargento após teste de aptidão física
CASO DE POLÍCIA
Rapaz morre em pátio de motel