Menu
LIMIT ACADEMIA
terça, 18 de junho de 2019
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
ÁGUAS DE BONITO
Brasil

Remédio contra reumatismo pode ajudar diabéticos do tipo 2

16 Set 2010 - 08h24Por Folha

Um remédio usado há quase 20 anos no tratamento de doenças reumáticas também pode ser alternativa para combater o diabetes tipo 2, que afeta quase 5% da população em todo o mundo.

Cientistas da Unicamp (Universidade Estadual de Campinas) descobriram que a diacereína comercializada com o nome de Artrodar-- consegue reduzir a resistência das células à insulina.

"O diabetes tipo 2 causa um efeito inflamatório subclínico nos tecidos e nos vasos. Ou seja: o paciente não tem febre ou dores, mas a inflamação está lá e provoca danos mesmo assim", afirma o coordenador do trabalho, Mário José Abdalla Saad.

A diacereína age combatendo essa inflamação. A substância consegue inibir a produção de algumas proteínas, que dificultam a ação da insulina no organismo. Uma aluna de doutorado de Saad irá defender uma tese relatando o método no fim de setembro.

Os testes com animais em laboratório devem começar em breve e, segundo Saad, os pesquisadores estão confiantes que os resultados serão "muito positivos".

O otimismo dos cientistas vem do sucesso do trabalho anterior do grupo, que provou que o ácido acetilsalicílico a popular aspirina é eficaz contra o diabetes.

O composto age da mesma forma que a diacereína, inibindo a ação de algumas proteínas. A aspirina, porém, necessita de doses muito maiores para fazer efeito: o equivalente a dezenas de comprimidos comuns.

Quantidades tão elevadas podem causar sangramentos gastrointestinais e "zumbidos" no ouvido, o que inviabiliza seu uso em humanos, afirma o coordenador.

BAIXO CUSTO

O tratamento com a diacereína é promissor, de acordo com os pesquisadores, porque seu uso já é consagrado no mercado.

Isso reduziria os custos de aplicação, uma vez que a patente está próxima de cair, e também as dificuldades para liberação de testes em humanos.

"O futuro está em encontrar novas aplicações para drogas que já existem", afirma o cientista.

Deixe seu Comentário

Leia Também

VIDA SEDENTARIA
OMS alerta: Criança menor de 3 anos não deve ficar nem um minuto em tablet ou celular
HOMICIDIO X SUICIDIO
Pai que matou o filho de 4 anos e se matou não se conformava com namoro da ex-mulher
DOENÇA DO SÉCULO
Jovem de 19 anos, com depressão comete suicídio e comove amigos
ASSASSINATO CRUEL
O massacre do menino Rhuan e o silêncio da grande mídia
FAMOSIDADES
Homem discute com mulher e mata bebê de quatro meses
SOLIDARIEDADE
Bebê nasce sem os olhos e mobiliza cidade do Paraná
TRAGÉDIA NA FAMILIA
Pai mata filho de quatro anos e se mata por não aceitar fim do relacionamento
ASSASSINATO
Marido da deputada é morto a tiros
MULHER DO PRESIDENTE
Esposa de Jair Bolsonaro cai na internet, fotos íntimas são exibidas e todos ficam sem acreditar
DOURADOS - MANIFESTAÇÕES
Dono da Havan manda 'recado' a manifestantes após protesto em frente a loja de Dourados