Menu
LIMIT ACADEMIA
segunda, 19 de agosto de 2019
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
AGÊNCIA BONITO THIAGO
Brasil

Regras para repasse de recursos da Saúde poderão mudar

27 Ago 2004 - 13h55
O Projeto de Lei 4010/04, apresentado pelo deputado Roberto Gouveia (PT-SP), cria novas exigências para a transferência de recursos destinados à área da Saúde. O objetivo, segundo o autor da proposta, é "responsabilizar o agente público faltoso, com o efeito prático imediato de acabar com o envio de extensa papelada ao Ministério da Saúde".
Pelo texto, para receber as verbas da União, estados e municípios deverão manter fundos e conselhos de saúde; elaborar plano de aplicação dos recursos e relatório de gestão; prestar informações anualmente ao Sistema de Informações sobre Orçamentos Públicos em Saúde (Siops); e alocar dinheiro de seus orçamentos para a área.

Fundos específicos
A proposta determina ainda que os recursos sejam transferidos pela União para fundos de saúde criados pelos governos estaduais e municipais. A aplicação do dinheiro será acompanhada e fiscalizada por conselhos locais de saúde, sem prejuízo do acompanhamento pelos órgãos de controle interno e externo de cada esfera de governo (federal, estadual e municipal).
Os estados e municípios deverão elaborar planos de saúde, e qualquer aplicação de recursos em projetos não previstos nos planos será considerada infração administrativa, exceto em situações de emergência ou calamidade pública.

Planos e relatórios
O plano deverá ser apresentado pelo dirigente do sistema ao conselho de saúde, em períodos trimestrais e com consolidação anual. O documento precisará ser publicado na imprensa oficial no prazo máximo de 15 dias, com ampla divulgação em audiência pública nas câmaras municipais e assembléias legislativas.
De acordo com a proposta, o relatório de gestão deverá conter:
1) o montante aplicado e a fonte de recursos;
2) as auditorias iniciadas ou concluídas no período;
3) a oferta e a execução de serviços na rede assistencial própria e complementar; e
4) indicadores de qualidade dos serviços e dos resultados alcançados;

Tramitação
O projeto será analisado pelas comissões de Seguridade Social e Família; de Trabalho, de Administração e Serviço Público; de Finanças e Tributação; e de Constituição e Justiça e de Cidadania.
Como a proposta tramita em caráter conclusivo, a matéria poderá ser encaminhada à análise dos senadores sem passar pelo Plenário da Câmara.
 
 
Agência Câmara

Deixe seu Comentário

Leia Também

AGORA DEU MEDO
Velório é interrompido após morto 'apertar' mão da esposa
TRAGEDIA NA RODOVIA
Três pessoas morrem em acidente envolvendo carro e caminhão na BR-277
FATALIDADE
Jovem mulher morre ao levar choque usando o secador de cabelos
ABSURDO - BRASIL
Mulher mata o marido a facadas e leva pênis para a amante dentro de um copo
MORTE E COMOÇÃO
Jovem caminhoneira morre em acidente e comove colegas de toda a região
FACULDADE
Irmãs estudantes de engenharia vendem doces nos trens do Rio para se sustentar
MUITA FUMAÇA
Crianças passam mal em incêndio que dura três dias
VICENTINENSE DE CORAÇÃO
Após 30 anos dividindo palco, Erika Figueiredo aposta no solo e lança clipe, ASSISTA
SIAMESAS
Mulher dá à luz gêmeas siamesas de 3,700KG as duas
ACIDENTE DE TRABALHO
Homem morre ao ser puxado por colheitadeira quando fazia limpeza