Menu
LIMIT ACADEMIA
quinta, 24 de janeiro de 2019
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
ITALÍNEA
Brasil

Realização das provas do Enem depende de decisão judicial

3 Ago 2004 - 09h44
O Instituto Nacional de Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira do Ministério da Educação (Inep/MEC) informou nesta segunda-feira que prosseguirá com os preparativos para a realização das provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). A justiça federal pediu na semana passada que a comissão de licitação revisse as propostas das organizadoras da prova. O consórcio da Universidade de Brasília (UnB) e a Universidade Estadual Paulista (Unesp) alega que a Fundação Cesgranrio, vencedora da licitação, omitiu do cálculo vários itens para conseguir o contrato. A confirmação do dia 29 de agosto para a realização das provas pode mudar com a decisão judicial. Mais de 1,9 milhão de alunos estão inscritos para as provas.

O valor apresentado pela Fundação Cesgranrio foi de R$ 34 milhões. Já o do consórcio Unb/Unesp cobraria R$ 1,8 milhão a mais. De acordo com nota oficial, o Inep divulgou que a combinação dos fatores técnicos e o menor preço determinou a escolha da melhor proposta. Segundo o Inep, a definição da melhor proposta dependeu da combinação desses dois aspectos, sendo que a técnica tem peso de 60% e o preço, de 40%. “A empresa escolhida, dentro desses parâmetros, apresentou melhores propostas nos dois aspectos“, explica o documento.

A nota diz ainda que o edital solicitou atividades essenciais para operacionalização do Enem e ainda outras informações que serviram de referencial para a concorrência. “Dessa forma, ao contrário do que alega o consórcio, não houve erros de procedimento em relação ao processo de licitação”, afirma o Inep. O Instituto ressalta ainda que já enviou à Justiça Federal o resultado da nova análise dará prosseguimento aos preparativos para a realização do Enem.
 
Agência Brasil

Deixe seu Comentário

Leia Também

BBB 19
Vanderson é eliminado e vai prestar depoimentos sobre casos de agressão
INVESTIGAÇÃO
Mourão volta a dizer que é preciso investigar Flávio Bolsonaro e punir se for o caso
HEROI
Porteiro ganha homenagem: salvou criança de 3 anos que caiu na piscina (VIDEO)
FAMOSIDADES
Aos 67 anos, Amado Batista assume namoro com jovem de 19 anos de idade
LUTO - TV
Ator Caio Junqueira morre no Rio uma semana após acidente
ANJO DA GUARDA
Amigo dá lar a mulher que viveu 40 anos internada no HC
MAMATA
General corta contratinho de R$ 30 milhões para manter jornalistas no exterior
PERSISTÊNCIA
Filho de faxineira e porteiro passa em medicina no Paraná
RENOVAÇÃO LICENÇA
Extinção de mais 130 rádios comunitárias no Brasil deve alcançar emissora de Ponta Porã
CENAS FORTES
Vídeo flagra mulher sendo agredida por ex-marido com socos e chutes