Menu
LIMIT ACADEMIA
quarta, 20 de fevereiro de 2019
SADER_FULL
Busca
ITALÍNEA
Brasil

Reajuste na telefonia será dicutido hoje em Brasília

12 Jul 2004 - 07h45
 

A assessoria do Ministério das Comunicações confirmou  a realização de um novo encontro entre o ministro, Eunício Oliveira, e os presidente das empresas de telefonia fixa para discutir o reajuste de 2004. A reunião será realizada no Ministério hoje (12) às 15h. A questão que está sendo debatida refere-se à decisão do Superior Tribunal de Justiça (STJ) de suspender a liminar que estipulava como base de cálculo o reajuste de 2003 o IPCA (Índice de Preços ao Consumidor Amplo).

 Com a decisão do tribunal, as tarifas do ano passado serão recalculadas com base no IGP-DI (Índice Geral de Preços - Disponibilidade Interna). Essa mudança, irá gerar um impacto de 10 pontos percentuais no reajuste autorizado pela Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações) em 2004. Assim, o aumento médio das contas telefônicas, que seria de 6,89%, poderá chegar a 16,25%. O governo negocia com as empresas para que esta diferença seja aplicada em duas parcelas. Uma em setembro e outra em novembro deste ano.

A proposta foi discutida com os acionistas das empresas e uma decisão final pode ser tomada na próxima semana.

 

 

Mídia Max News

Deixe seu Comentário

Leia Também

SUPERAÇÃO
Jovem que morou 5 anos nas ruas se forma em Direito
FENÔMENO
Maior superlua de 2019 iluminará o céu nesta terça, 19
FAMOSIDADES
Padre sertanejo acusado de ostentação cobra entrada de idosos para assistir programa
ACIDENTE FATAL
Adolescente é atropelada quando levava pai em cadeira de rodas, veja o vídeo
VIOLENCIA DOMESTICA
'Não consigo reconhecê-la', diz irmão de mulher espancada no 1° encontro
O REI ROBERTO CARLOS
Roberto Carlos vestiu rosa e se mostrou contrário a projeto de Jair Bolsonaro
BRIGA NO PLANALTO
Magoado e traído, Bebianno não vai poupar filho de Bolsonaro
TRÁGICO
Mãe do piloto de Ricardo Boechat morre três dias após o filho
OUTROS 10 ESTADOS
Horário de verão termina à meia-noite; relógios devem ser atrasados em 1h
BARBÁRIE
Rosane Santiago Silveira, torturada e morta em sua própria casa