Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
quinta, 21 de fevereiro de 2019
SADER_FULL
Busca
CANTINA BAH
Brasil

Reajuste de telefone não atingirá 8,7%, diz a Anatel

19 Jul 2004 - 10h56
As companhias de telefonia fixa teriam aceitado em reunião na semana passada a não aplicar reajustes até o teto acordado de 8,7%, como forma de repassar a diferença de índice usado como base para reajuste no ano passado. A informação está no site da Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações). O aumento ficará abaixo do teto acordado para os itens de assinatura residencial, pulso e crédito para uso em telefone público. O aumento será feito em duas parcelas, para vigorarem em setembro e em novembro.
No dia 1º de julho o Superior Tribunal de Justiça definiu a utilização do IGP-DI na recomposição tarifária ao invés do IPCA, o que resultou na diferença dos 8,7% a serem repassados. Este mês entrou em vigor o reajuste de 6,89%. O valor retroativo às cobranças do último ano, que tiveram o IPCA como base de aumento, não será cobrado.
 
 
Campo Grande News

Deixe seu Comentário

Leia Também

CHANTAGEM
Ladrões invadem estabelecimentos, obrigam funcionárias a tirarem a roupa, filmam e extorquem vítimas
FORAGIDO
Atirador invade escritório de advocacia e mata duas pessoas
BBB 19
Rízia chora por estar acorrentada: 'Vontade de desistir'
LARANJADA
Deputados do PSOL distribuem laranjas na chegada de Bolsonaro à Câmara
AMOR A PROFISSÃO
Pedreira caprichosa viraliza com trabalho detalhista e ganha novos clientes
FÁTIMA DO SUL - O BOTICÁRIO
O Boticário apresenta Quasar Brave, venha conferir no O Boticário em Fátima do Sul
SUPERAÇÃO
Jovem que morou 5 anos nas ruas se forma em Direito
FENÔMENO
Maior superlua de 2019 iluminará o céu nesta terça, 19
FAMOSIDADES
Padre sertanejo acusado de ostentação cobra entrada de idosos para assistir programa
ACIDENTE FATAL
Adolescente é atropelada quando levava pai em cadeira de rodas, veja o vídeo