Menu
RIO_DOURADOS
SADER_FULL
Busca
SUCURI_MEGA
Brasil

Rapaz é preso após roubar carreta de carvão em Sete Quedas

21 Mar 2007 - 17h50
Foi preso, na semana passada pela Polícia Nacional do Paraguai e entregue a Polícia Civil de Sete Quedas, um brasileiro residente em Salto Del Guairá no Paraguai.

Gilson Moreira de 26 anos é acusado de ter tomado em assalto, em companhia de mais pelo menos dois indivíduos, uma carrega carregada com carvão vegetal na rodovia MS 299, trecho que liga Paranhos a Sete Quedas pela linha internacional a cerca de 40 quilômetros da cidade em Sete Quedas.

O Assalto- Segundo a Polícia Civil de Sete Quedas que abriu inquérito para investigar o caso, a carreta, que era tracionada por um cavalo mecânico marca Volvo, conduzido por um motorista de 30 anos, tendo com ajudante um rapaz de 24, ambos moradores em Sete Quedas na fronteira com Paraguai, se deslocava com a carga da região de Paranhos em direção a Sete Quedas quando teria passado a ser seguida de perto por um veículo Corolla de cor branca, que utilizava uma via paralela a MS 299 em território paraguaio.

De acordo com as vítimas após alguns quilômetros de perseguição, o Corolla tomou a dianteira e quilômetros à frente, em uma subida, onde a carreta carregada teria que subir em baixa velocidade, três indivíduos armados e dois deles usando capuz, invadiram a pista de rolamento da rodovia que é de terra e anunciaram o assalto.

Motorista e ajudantes foram amarrados, vendados e colocados no interior do Corolla que após realizar várias manobras, acabou abandonando as duas vítimas alguns quilômetros do local do assalto.

Vítimas pedem ajuda-Ao serem soltas, momentos após o assalto, as vítimas, motorista e ajudante, se deslocaram até a sede de uma fazenda situada na região e pediram ajuda.

Imediatamente as polícias Civil e Militar de Sete Quedas, bem como a Polícia Nacional do Paraguai que atua na região passaram a trabalhar no caso e através de ondas de rádio de transmissão, fazendas da área onde ocorreu o assalto foram avisadas da ação criminosa.

Ladrão detido em fazenda-Segundo a Polícia Civil de Sete Quedas Gilson Moreira foi retido por funcionários de uma fazenda situada próxima a região onde ocorreu o assalto quando teria ido pedir ajuda.

De acordo com a polícia ao tentarem fugir com a carreta carregada em meio ao território paraguaio, os ladrões acabaram atolando o veículo de carga em um banco de areia.

Gilson foi até a fazenda para buscar ajuda, porém ao chegar no local foi surpreendido pelos funcionários que já haviam recebido notícias do assalto através de rádios de transmissão.

Ele foi entregue para a Polícia Nacional do Paraguai que posteriormente repassou o acusado para a polícia brasileira.
Outro membro do bando, um indivíduo que seria de nacionalidade paraguaia, também teria sido preso no inicio dessa semana pelas autoridades daquele país, porém, por ter nacionalidade paraguaia, teria permanecido a disposição das autoridades locais.

No Brasil Gilson Moreira foi autuado em flagrante pelo delegado de Polícia Civil, Dr. Napoleão Rodrigues Júnior, titular da Delegacia de Sete Quedas por roubo, artigo 157 do Código Penal Brasileiro e permanece preso na cadeia pública de Sete Quedas à disposição da Justiça.
 
 
A Gazeta News

Deixe seu Comentário

Leia Também

FUTEBOL 2018
Uma previsão do que esperar do ano profissional do Neymar em 2018
BBB 18
Ex-BBB Wagner faz tatuagem de rosa amarela em homenagem a Gleici. Veja!
Novela Global
'O Outro Lado do Paraíso': Gael depõe contra a mãe, Sophia, em julgamento
O Apocalipse
Oziel (Castrinho) fica abalado ao ouvir as Duas Testemunhas do Apocalipse
Em cima da hora
Policiais impedem estupro de garota, veja o vídeo
Natalidade
Bebê “apressadinho” nasce dentro de carro com ajuda de agentes
Novinha
Carlos Alberto da "Praça é Nossa" vai se casar em junho com nutricionista 44 anos mais jovem
LOTERIAS NO BRASIL
Você conhece as loterias do Brasil?
Novela
Com ciúme, Neymar lamenta volta de par romântico de Bruna Marquezine à novela das sete
Famosidades
Michel Teló cancela gravação de programa depois de passar mal