Menu
LIMIT ACADEMIA
segunda, 19 de novembro de 2018
SADER_FULL
Busca
ITALÍNEA
Brasil

PSDB mantém disputa em Deodápolis

4 Ago 2004 - 08h27
A coligação ‘Honestidade e Trabalho’, formada pelo PSDB e PFL, vai disputar as eleições de outubro em Deodápolis, seja com Manoel Martins como candidato a prefeito ou com outro nome em seu lugar”. A afirmação foi feita ontem, ao Diário MS, pelo professor Cícero Reinaldo, presidente municipal do PSDB. O candidato a vice-prefeito é Carlos Alberto Paes (PFL), o Beto da Lagoa, que deve ser mantido pela coligação.
Manoel José Martins, até então candidato a prefeito de Deodápolis, conforme matéria divulgada na edição de terça-feira no Caderno Região do Diário MS, teve recurso negado pelo Tribunal de Justiça do Estado de Mato Grosso do Sul, que manteve a condenação do ex-prefeito de Deodápolis, que está inelegível por um período de cinco anos, conforme sentença proferida pela juíza da Comarca de Deodápolis, Marli Miyashita Nishimura, no início de maio.
Ontem, o presidente municipal do PSDB adiantou que a assessoria jurídica, após tomar conhecimento de que Manoel Martins ainda tem direito, deve impetrar um novo recurso junto à Justiça. Conforme a legislação eleitoral, o prazo de julgamento de processos encerra no dia 14, porém, no caso de candidatos majoritários (prefeito e vice-prefeito) poderão acontecer substituições até 24 horas antes das eleições. Sendo assim, Cícero Reinaldo afirmou que a coligação estará escolhendo outro nome para substituir Manezinho, caso este tenha o recurso negado pela Justiça.
Questionado sobre possíveis substitutos, o professor argumentou que, tanto o PSDB como o PFL possuem nomes de respaldo político junto ao eleitorado de Deodápolis. Entre os integrantes da coligação surgem nomes como o do vereador Sebastião Nobres da Silva (PFL), como também do vereador e ex-vice-prefeito Expedito Ponciano (PFL). “Porém, até o momento, o nome mais provável e de agrado geral entre o grupo é da vereadora Aparecida José Martins Nascimento (PSDB)”, ressalta Cícero Reinaldo. Aparecida é irmã do ex-prefeito Manoel Martins.
O diretório municipal confirma ainda, a realização do comício da coligação, programado para sexta-feira, 6, no centro de Deodápolis. Conforme o presidente, o evento já está agendado, inclusive com a presença confirmada de várias autoridades políticas estaduais e federais, “portanto, nada será alterado, mesmo com a incógnita do nome de nosso candidato a prefeito”.
 
 
Diário MS

Deixe seu Comentário

Leia Também

NOVO GOVERNO
Desistência de general para ministério leva crise ao QG de Bolsonaro
ASSASSINATO
Câmeras flagram dupla efetuando mais de 30 tiros contra homem; veja o vídeo
TRISTEZA
Menino de 10 anos comete suicídio após a prisão do pai
MALDADE
Câmera de segurança flagra homem colocando fogo em casinha comunitária para cachorros
FATIMASSULENSES EM UBATUBA (SP)
Fatimassulenses, alunos do Vicente Pallotti fazem curso de biodiversidade marinha em Ubatuba (SP)
NOVELA GLOBAL
'O sétimo guardião': Gabriel se declara para Luz e os dois se beijam
MULHERES TEM QUE DENUNCIAR
Jovem posta foto com rosto inchado para denunciar agressão do namorado
ENCONTRO DE GOVERNADORES
Em encontro de governadores com Bolsonaro, Reinaldo defende fronteira e reajuste da tabela SUS
VIOLENCIA DOMESTICA
Homem é esfaqueado por esposa que tem ciumes até da sombra
ENTROU ATIRANDO
VÍDEO: Pastor é baleado no altar durante o culto