Menu
SADER_FULL
quarta, 19 de junho de 2019
LIMIT ACADEMIA
Busca
ÁGUAS DE BONITO
Brasil

Protótipo de exploração lunar é testado pela Nasa no Arizona

17 Set 2010 - 06h00Por G1
 A Nasa, a agência espacial americana, testou no deserto do Arizona o protótipo Athlete (de All-Terrain Hex-Limbed Extra-Terrestrial Explorer), veículo de exploração lunar – e no futuro, da superfície de Marte – que será usado na movimentação de cargas pesadas.

Por duas semanas, encerradas na quarta-feira (15), a Nasa pôs à prova uma série de equipamentos desenvolvidos pela equipe do programa Desert RATS (de Research and Technology Studies). A maratona, realizada todos os anos, é uma oportunidade para que engenheiros e cientistas verifiquem o desempenho de jipes lunares e outras novas tecnologias.

Outro equipamento que foi testado no deserto foi o Centauro 2, veículo que servirá de base para robôs humanóides como o R2, que segue para a Estação Espacial Internacional em novembro.
O Desert RATS, envolve pessoal de vários centros da Nasa, de universidades e de outras organizações. Seu objetivo é criar sistemas e equipamentos "humano-robóticos" para exploração da Lua, de Marte e até mesmo de asteroides.

Deixe seu Comentário

Leia Também

VIDA SEDENTARIA
OMS alerta: Criança menor de 3 anos não deve ficar nem um minuto em tablet ou celular
HOMICIDIO X SUICIDIO
Pai que matou o filho de 4 anos e se matou não se conformava com namoro da ex-mulher
DOENÇA DO SÉCULO
Jovem de 19 anos, com depressão comete suicídio e comove amigos
ASSASSINATO CRUEL
O massacre do menino Rhuan e o silêncio da grande mídia
FAMOSIDADES
Homem discute com mulher e mata bebê de quatro meses
SOLIDARIEDADE
Bebê nasce sem os olhos e mobiliza cidade do Paraná
TRAGÉDIA NA FAMILIA
Pai mata filho de quatro anos e se mata por não aceitar fim do relacionamento
ASSASSINATO
Marido da deputada é morto a tiros
MULHER DO PRESIDENTE
Esposa de Jair Bolsonaro cai na internet, fotos íntimas são exibidas e todos ficam sem acreditar
DOURADOS - MANIFESTAÇÕES
Dono da Havan manda 'recado' a manifestantes após protesto em frente a loja de Dourados