Menu
SADER_FULL
quinta, 20 de fevereiro de 2020
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
Brasil

Projeto pretende inserir 1000 crianças no judô e natação

17 Abr 2007 - 15h35

Oportunizar crianças de 07 a 14 anos da rede municipal e estadual de ensino na prática esportiva nas comunidades carentes através do judô e a natação. É esse o objetivo do Projeto Esperança lançado neste sábado, 14, no Horto Florestal, em Campo Grande.

 

Para o diretor presidente da Funesp (Fundação Municipal do Esporte de Campo Grande) João Rocha, “o esporte é uma ferramenta importante na transformação social ajudando no direcionamento desses atletas para um futuro melhor, essa é a principal função da secretaria que o município criou justamente para fomentar o esporte na nossa Capital”, disse Rocha. Hoje, em Campo Grande, são mais de 11 mil crianças praticando diversas modalidades coordenadas pela Funesp, importante parceira do Projeto Esperança.

 

A inciativa já é sucesso total se depender da alegria das crianças e do empenho dos pais e professores presentes no ginásio do Horto Florestal durante a aula inaugural aplicada pelos coordenadores Igor e Carlos Rocha.

Com apenas quinze dias de lançado, já são 135 crianças no judô e 48 na natação de vários bairros da cidade participando das duas modalidades sem custo algum. Todos os alunos recebem gratuitamente do Projeto Esperança um Kimono, sunga e touca para praticarem os esportes. Todas as crianças inscritas devem estar matriculadas em cursos escolares regulares e as suas avaliações chegam até os professores do projeto.

 

“É uma exigência para quem quer participar das aulas estarem estudando, freqüentar habitualmente a escola e alcançarem boas médias”, adianta Igor Rocha, faixa preta em judô e um dos coordenadores.

A aula inaugural de natação aconteceu simultaneamente na Academia Rocha, na Vila Carvalho, sob o olhar atento das mães presentes no local que puderam acompanhar de perto a iniciativa.

 

O deputado estadual  Marcio Fernandes (PSDB), idealizador do Projeto Esperança e faixa preta em judô, esteve presente no evento e lembrou da importância de levar o esporte às comunidades mais carentes. “É um projeto social que defendi durante a campanha eleitoral e que agora estou podendo efetivar. Tenho certeza que o esporte irá proporcionar a estas crianças uma qualidade de vida melhor. Estaremos acompanhando o desempenho familiar e escolar de cada atleta, ajudando a diminuir a evasão e a repetência escolar dos alunos inscritos”, afirma o deputado que iniciou ainda criança no esporte.

 

Marcio Fernandes lembrou também do apoio recebido do deputado estadual Reinaldo Azambuja (PSDB). “Assim que apresentei o projeto o Reinaldo de pronto deu total apoio e também está engajado nesta luta em favor do esporte sul-mato-grossense”, afirma Fernandes. Segundo o deputado até o final de 2007 a meta é inserir 1000 crianças nos dois esportes.

 

 

 

Fátima News

Deixe seu Comentário

Leia Também

FAMOSIDADES
Pós-parto: Andressa Miranda faz revelações sobre sexo com Thammy Miranda
CONCURSO DO EXERCITO
Concurso Exército: Saiu o edital com 1.100 vagas para nível médio
BOLSONARO
Bolsonaro diz que imprensa poderia ser um partido: ''Ia ficar à esquerda''
FAMOSOS
Filho de Leonardo, João Guilherme recebe crítica e ironiza
TRAFICO DE DROGAS
Mulher é flagrada com 240 gramas de fumo na vagina para entrar na cadeia
FAMOSIDADES
Roberto Carlos reprova roteiro de Glória Perez, atraza produção e procura ator para filme
FAMOSOS
Felipeh Campos, do ‘A Tarde é Sua’, é condenado a pagar fortuna para hospital
FAMOSIDADES
Tom Cavalcante perde fortuna durante cruzeiro de Roberto Carlos
LEITE HUMANO EM PÓ
Brasileiros criam leite humano em pó e ganham prêmio internacional
TRAGÉDIA NA FAMILIA
Menino de 5 anos morre após ter 40% do corpo queimado em explosão de gasolina