Menu
RIO_DOURADOS
SADER_FULL
Busca
SUCURI_MEGA
Brasil

Projeto forma 30 mil soldados em cursos profissionalizantes

12 Nov 2004 - 13h23
Quase 30 mil soldados do Exército vão se formar este ano em todo o país em mais de 110 cursos profissionalizantes nas áreas de comércio, indústria, transportes e rural. Oferecidos pelo Senai (Serviço Nacional de Aprendizagem industrial), Senac (Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial), Senat (Serviço Nacional de Aprendizagem de Transportes) e Senar (Serviço Nacional de Aprendizagem Rural), os cursos fazem parte do Projeto Soldado Cidadão, uma parceria do Exército com o Sistema S firmada em 2002 e cujo objetivo é dar ao jovem uma qualificação profissional para que ele possa se inserir no mercado de trabalho após prestar o serviço militar.

Só no Rio de Janeiro são 3.671 soldados matriculados em 32 cursos. Nesta sexta-feira, 100 deles se formaram na primeira turma dos cursos de mecânico de diesel, motorista de transporte de carga perigosa e logística e almoxarifado. Os diplomas foram entregues em solenidade na sede do Senat, no subúrbio de Deodoro.

Para o coordenador do projeto na Vila Militar, major Dornelles, "a intenção é oferecer aos soldados um melhor retorno à vida civil, na medida em que, ao concluir um dos cursos, o jovem recebe um diploma, que é o comprovante de que ele está apto a ingressar no mercado de trabalho". Ele enfatizou que "o Exército sempre esteve preocupado com o destino do soldado depois que ele deixa de servir nos quartéis, para evitar, inclusive, que em não conseguindo um emprego digno ele se envolva na criminalidade".

Os alunos matriculados nos cursos têm, ainda, aulas sobre empreendedorismo, ministradas por técnicos do Sebrae, e de Cidadania, Direitos e Deveres, com juizes do Superior Tribunal de Justiça.

O Projeto Soldado Cidadão é desenvolvido com recursos do governo federal repassados ao ministério da Defesa e distribuído entre as três Forças Armadas. O orçamento total para 2004 é de R$ 13,4 milhões, dos quais R$ 11,7 milhões ficaram com o Exército. Nos dois primeiros anos do projeto foram qualificados cerca de cinco mil soldados em todo o país. Uma portaria assinada em outubro pelo então ministro da Defesa, José Viegas, dá ao projeto em 2005 o status de Programa de Assistência e Cooperação das Forças Armadas à Sociedade Civil/Projeto Soldado Cidadão.
 
 
 
Agência Brasil

Deixe seu Comentário

Leia Também

Acerto de Contas
Mulher é assassinada e companheiro é poupado pelos bandidos
Macabro
Filho que escondeu corpo de pai pode ser indiciado por três crimes
Novela
'Deus salve o rei': Catarina (Bruna Marquezine) mata Constantino
Novela Global
'Outro lado': Gael luta contra violência doméstica no fim
Monstro
Câmera flagra irmão à procura de menina que teria sido abusada por prefeito de Bariri
Perigo do Selfie
Três garotas caem de ponte de 20 metros ao tirarem fotos em Castelo
Campanha de filiações
Prisão de Lula faz disparar filiações ao PT
O Apocalipse
Arthur (Junno Andrade) fala na TV que Ricardo (Sergio Marone) ressuscitou em seu velório
BBB 18 - Vencedora
Veja a casa de Gleici, do'BBB 18': Sister teve o pai assassinado pelo tráfico e passou fome
Concurso Público
Polícia Federal publica autorização para promover concurso público com 500 vagas