Menu
SADER_FULL
quarta, 19 de setembro de 2018
LIMIT ACADEMIA
Busca
SICREDI_FATIMA
Brasil

Projeto de escola sobre voluntariado é finalista na Febrace

28 Dez 2004 - 10h57
As iniciativas voltadas à maior participação e interação dos alunos do ensino médio das escolas estaduais estarão representadas por dois projetos na 3ª Feira Brasileira de Ciência e Tecnologia (Febrace), promovida pela Estação Ciência, da Universidade de São Paulo (USP).

Além do “Erva-mate tereré”, desenvolvido na escola estadual José Barbosa Rodrigues, o projeto “Cidadania: uma ação”, da escola estadual Maria Eliza Bocayuva Corrêa da Costa, também foi um dos 200 finalistas para a exposição, que será realizada de 8 a 12 de março de 2005, na USP.

Cidadania: uma ação é resultado de um trabalho que vem sendo desenvolvido há três anos na Maria Eliza Bocayuva Corrêa da Costa, através da disciplina de Ciências Sociais, ministrada pela professora Madalena Greco. Este ano, 68 alunos do 1º ano do ensino médio estiveram envolvidos em atividades em torno da prática do voluntariado.

Depois de uma série de aulas sobre metodologia científica e conhecimentos teóricos sobre voluntariado, os estudantes foram divididos em grupos e passaram a trabalhar diretamente em algumas instituições, como Associação Pestalozzi, Hospital São Julião, Pastoral da Criança, Associação dos Amigos de Crianças com Câncer, Ceada (Centro Estadual de Atendimento ao deficiente da Audiocomunicação), além de doação de sangue.

“Eles também divulgavam o trabalho dessas entidades, trabalhando como agentes mesmo”, explica a professora responsável pelo projeto, Madalena Greco. Para que fosse permitida a participação ativa dos alunos, ela encaminhou vários ofícios à direção das entidades.

Como o projeto está integrado à disciplina de Ciências Sociais, os alunos são avaliados, com relatórios periódicos. “O adolescente é muito capaz. Eu gosto muito de trabalhar com essa faixa etária porque quando a gente lança um desafio aos alunos adolescentes, eles vão atrás”, observa Madalena.

Para selecionar os alunos que irão participar da Febrace, a educadora fez um sorteio entre os líderes dos grupos, sendo premiados Alexandre Tiziane, Josiane Ferreira da Silva e Andréia Gomes de Souza. Em 2002, os temas trabalhados nos anos anteriores na disciplina foram: “O que é ser cidadão” (2002) e “Solidariedade” (2003). “Acredito que não basta falarmos de cidadania, se não ensinarmos e incentivarmos a ser cidadão e mostrar isso na prática”, aponta Madalena.

A escolas estaduais José Barbosa Rodrigues e Maria Eliza Bocayuva Corrêa da Costa ficam, respectivamente, nos bairros Universitário e Cruzeiro, em Campo Grande.
 
 
APn

Deixe seu Comentário

Leia Também

ALCOOLISMO
Menino de 9 anos é expulso de casa pela mãe alcoólatra por se recusar a roubar, no DF
LATROCINIO
Tentativa de assalto termina com pai morto e filho baleado
MENOR INFRATOR
Cobradora é apedrejada em assalto e adolescente é detido pela 4ª vez
FAMOSIDADES
Justiça condena Deborah Secco por desvio de dinheiro público
NOVELA GLOBAL
'Segundo sol': Severo vai morar com mendigos e vira vizinho de Agenor
CLUELDADE
Por mãe estar sem o celular, ladrão dá facada em bebê de 3 meses
ECONOMIA
Mercado financeiro já trabalha para traçar cenários sem Bolsonaro
PROCURA-SE
Adolescente desaparece e família recebe ligação misteriosa
TRAGÉDIA
Jovens irmãos morrem em grave acidente; caminhonete chegou a se partir ao meio
FAMOSIDADES
Justiça decreta prisão de Dado Dolabella por insulto à ex mulher