TASS_MOTORS
FatimaNews - Notícias de Fátima do Sul e região
Fátima do Sul, 11 de Dezembro de 2017
RIO_DOURADOS
20 de Dezembro de 2004 17h40

Projeto de escola estadual é finalista em feira da USP

O projeto “Erva-mate tereré”, realizado por alunos da escola estadual José Barbosa Rodrigues, de Campo Grande, é um dos finalistas para a terceira edição da Febrace (Feira Brasileira de Ciências e Engenharia), promovida pela Estação Ciência da Universidade de São Paulo (USP). O evento ocorrerá de 8 a 12 de março de 2005, no campus da universidade, em São Paulo, e reunirá projetos de pesquisa de todo o país.

Fazendo uma abordagem em torno da história dessa típica bebida da cultura regional, o tereré, o projeto pesquisou sobre a origem e importância econômica que o cultivo da erva-mate já teve para a região de Mato Grosso do Sul, a composição química, os benefícios para o organismo do ser humano, a gastronomia e as lendas que envolvem a planta.

Inicialmente, cinco alunos da 6ª série do ensino fundamental desenvolveram, durante três meses, a pesquisa sobre o hábito de tomar tereré, bebida composta, basicamente, de erva-mate torrada e água gelada. Os resultados foram expostos da Feira Cultural da escola e o projeto conquistou o primeiro lugar entre os trabalhos do período vespertino. Após a apresentação, a professora coordenadora, Márcia Laines Pilotto, deu continuidade à pesquisa, dessa vez envolvendo os alunos do 1º ano do ensino médio.

“Depois da feira, a pesquisa foi aprofundada e os alunos ficaram muito empolgados com o sucesso do projeto”, relata Márcia. Segundo ela, a sala de tecnologia educacional da escola colaborou muito com o trabalho porque não só a pesquisa, como parte da inscrição para a Febrace, foi feita pela internet.

Apresentação - Caso o projeto seja selecionado na USP, irá participar da feira em âmbito internacional, que será realizada nos Estados Unidos. Entre os prêmios entregues aos autores dos trabalhos selecionados estão microcomputadores, estágios e bolsas de estudo.

“Só o fato de estar lá conhecendo projetos de outros estados já é maravilhoso”, festeja a professora. “Nós estaremos ali mostrando a nossa cultura, que muitas pessoas não conhecem”, afirma.

Os alunos que participarão da Febrace são Nayara Aparecida Chaves e Rafael Ponciano Duarte, ambos aprovados para o 2º ano do ensino médio da José Barbosa Rodrigues, também farão a exposição da pesquisa. “Eles têm toda a bagagem e conhecem bastante o assunto. Entrevistaram várias pessoas, inclusive um mestrando que estuda o efeito medicinal da erva-mate entre os índios”, observa a professora coordenadora do projeto. “Eu ainda estou pasma com a novidade. Cada vez que eu descobria algo sobre o tereré, mais o assunto me interessava”, explica a aluna.

Márcia observa que apenas após o dia 10 de janeiro os critérios para a participação na feira serão definidos. Porém, a educadora já faz planos para a apresentação: “Estou pensando em fazer um estande com fotos dos ervais, do estado, da dança do tereré, que é feita no período da colheita e os alunos estarão com roupas típicas também”. O projeto ficou entre os 25 selecionados na área de ciências humanas. Ao todo, 200 trabalhos foram escolhidos por serem inovadores e criativos, nas áreas de ciências agrárias, biológicas, engenharia, exatas e da terra, humanas, de saúde e sociais aplicadas.
 
 
APn
Comentários
Veja Também
LISTINHA_ONLINE
pupa
FORTALEZA
Últimas Notícias
  
LIMIT ACADEMIA_BOTTON
Eventos
dothCom © Copyright FatimaNews - Todos os Direitos Reservados.