Menu
LIMIT ACADEMIA
domingo, 20 de janeiro de 2019
SADER_FULL
Busca
CANTINA BAH
Brasil

Projeto cria compensação para aumento do PIS e Cofins

3 Ago 2004 - 18h00
A Comissão de Desenvolvimento Econômico, Indústria e Comércio está analisando o projeto de lei (PL 3838/04), do deputado Antônio Carlos Magalhães Neto (PFL-BA), que autoriza as empresas, que optaram pelo sistema de tributação com base no lucro presumido ou arbitrado, a utilizarem o crédito de importações para pagamento de outros impostos federais. Esses créditos são apurados mediante a aplicação das alíquotas da contribuição para o PIS/Pasep e da Cofins, incidentes sobre a receita decorrente da venda, no mercado interno, de alguns produtos farmacêuticos; produtos de perfumaria e higiene pessoal; algumas máquinas e veículos; pneus novos e câmara de ar de borracha; embalagens para refrigerantes e cerveja; e gasolina, entre outros.
O autor da proposta lembra que várias empresas, estimuladas pelo Governo, optaram pelo pagamento do Imposto de Renda e da Contribuição Social sobre o Lucro Líquido (CSLL) com base no lucro presumido - forma simplificada de tributação que beneficia empresas com receita igual ou inferior a R$ 24 milhões.

Carga tributária
A proposta altera a Lei sobre Contribuição para os Programas de Integração Social e de Formação do Patrimônio do Servidor Público e a Contribuição para o Financiamento da Seguridade Social incidentes sobre a importação de bens e serviços, criada neste ano. A lei instituiu a cobrança do PIS e Cofins na importação de insumos. A mudança, no entanto, provocou aumento da carga tributária para as empresas que optaram pelo lucro presumido e que se dedicam à prestação de serviços. A Lei estabelece uma alíquota de 1,65% para o PIS/Pasep e de 7,6% para a Cofins nas operações de importação. "Temos recebido apelos de organismos da sociedade, preocupados com a real possibilidade de insolvência das empresas, face ao aumento de impostos a que elas foram submetidas", afirma.

A proposta, que tramita em caráter conclusivo, será examinada ainda pelas Comissões de Finanças e Tributação; e de Constituição e Justiça e de Cidadania.
 
Agência Câmara

Deixe seu Comentário

Leia Também

MORTE A ESCLARECER
Exército investiga morte de sargento após teste de aptidão física
CASO DE POLÍCIA
Rapaz morre em pátio de motel
MINISTRA DO MS NO GOVERNO BOLSONARO
Ministra Tereza Cristina garante fortalecer cadeia do leite e agricultura familiar
PROBLEMAS MENTAIS
Casal é brutalmente agredido a enxadadas pelo filho
BARRADO
Filho do cantor Marciano diz ter sido impedido de ir no velório do pai
A COBRA VAI FUMAR - SEGURANÇA NO MS
MS fecha o cerco contra a violência na fronteira em mega operação
LUTO NA MÚSICA
Marcelo Yuka, fundador do Rappa morre aos 53 anos
ROTEIRO ESPECIAL PARA O RIO DE JANEIRO
Roteiro diferente para continuar conhecendo o Rio de Janeiro
DICA DE TURISMO E FÉRIAS
Dicas para curtir uma temporada em Arraial do Cabo
LUTO - ESPORTE
Morre Jackelyne da Silva, ginasta da seleção brasileira, aos 17 anos