Menu
LIMIT ACADEMIA
quarta, 23 de janeiro de 2019
SADER_FULL
Busca
CANTINA BAH
Brasil

Proibição da pesca nos rios do Estado começa no dia 3

28 Out 2004 - 16h02
 

A partir do dia 3 de novembro fica proibido pescar nos rios federais e estaduais de Mato Grosso do Sul em função da piracema, período de reprodução dos peixes. Este ano a política de proteção à época de desova dos peixes é unificada com o governo do Mato Grosso e com o Ibama (Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis). Sendo assim os prazos valem para os dois Estados.

Fica proibido pescar nos rios federais (Apa, Paraná e Paraguai), pertencentes a mesma bacia de Mato Grosso do Sul e Mato Grosso, e nos rios estaduais do dia 3 de novembro até 28 de fevereiro do ano que vem. A determinação vale até 15 de março de 2005 nas cabeceiras, onde há maior concentração de peixes para desova.

Para o secretário estadual de Meio Ambiente, Marcio Portocarrero, a grande vantagem é que a fiscalização poderá agir com mais tranqüilidade, “o que vale para um Estado, vale para o outro”; assim o infrator que for pego em rios comuns aos Estados vizinhos não poderá apresentar defesa alegando prazos distintos.

Quando a pesca for liberada no ano que vem a cota de pescado estabelecida para os dois Estados será de 10 quilos mais um exemplar. O governo de Mato Grosso do Sul queria reduzir a cota para cinco quilos mais um exemplar, mas não houve tempo hábil por parte do GTT (Grupo Técnico de Trabalho), responsável por monitorar, discutir, avaliar e propor medidas de ordenamento referentes à piracema, de validar a proposta.

 

Mídia Max

Deixe seu Comentário

Leia Também

PERSISTÊNCIA
Filho de faxineira e porteiro passa em medicina no Paraná
RENOVAÇÃO LICENÇA
Extinção de mais 130 rádios comunitárias no Brasil deve alcançar emissora de Ponta Porã
CENAS FORTES
Vídeo flagra mulher sendo agredida por ex-marido com socos e chutes
GUERRA NO RJ II
Parentes de mortos durante chacina em São Gonçalo e Itaboraí dizem que vítimas eram inocentes
GUERRA NO RJ
Chacina deixa pelo menos 7 mortos na Região Metropolitana do Rio
BBB 19
Famosos protestam contra Maycon por agredir animais e mãe o defende: 'Não é um monstro'
MORTE A ESCLARECER
Exército investiga morte de sargento após teste de aptidão física
CASO DE POLÍCIA
Rapaz morre em pátio de motel
MINISTRA DO MS NO GOVERNO BOLSONARO
Ministra Tereza Cristina garante fortalecer cadeia do leite e agricultura familiar
PROBLEMAS MENTAIS
Casal é brutalmente agredido a enxadadas pelo filho