Menu
LIMIT ACADEMIA
quarta, 19 de setembro de 2018
SADER_FULL
Busca
SICREDI_FATIMA
Brasil

Produtores voltam a se mobilizar contra invasões

15 Out 2004 - 11h07
Desde a noite do último domingo, produtores rurais do município de Itaporã estão fazendo vigílias em frente as propriedades para evitar invasões de terra. A mobilização é feita em cima de indícios de que grupos de sem-terra estariam dispostos a invadir propriedades na região. As fazendas estão sendo monitoradas durante 24 horas. Na rodovia MS-157, que liga Itaporã a Maracaju, acampamentos foram levantados em frente a algumas propriedades.
Nas regiões de Carumbé e Peroba os produtores estão se revezando na estrada diante das ameaças de invasões. "Nós não admitimos invasões de terra em Itaporã porque aqui não existem terras improdutivas", disse o gerente da Fazenda Lagoão, Silvio Pereira.
A presença de uma equipe do Departamento de Operações de Fronteira (DOF), foi solicitada na noite do último domingo quando surgiram as ameaças. Os fazendeiros informaram que foram feitas várias rondas entre as propriedades. Seguranças particulares também foram contratados para permanecerem nas áreas.
Os produtores rurais também estão aproveitando ao máximo as margens das rodovias, preparando-as para o plantio, para evitar que estes espaços sejam transformados em acampamentos. "Desde a invasão da Fazenda Coimbra que nós, produtores rurais de Itaporã decidimos que estaremos sempre unidos, todas as decisões estão sendo tomadas em conjunto e respaldadas pelo nosso Sindicato", disse Pereira.
O presidente do Sindicato Rural de Itaporã, Maurício Saito informou que a vigília não tem data definida para terminar. "Não vamos cercar estradas e tomar nenhuma medida radical, apenas estamos nos unindo para cuidar das propriedades particulares, todos estamos atentos e cada vez mais mobilizados", disse Saito.
Esta é a segunda vez que os produtores rurais de Itaporã se mobilizam contra invasões de terra, depois da ocupação da Fazenda Coimbra, ocorrida no ano passado, na divisa entre Itaporã e Dourados.
 
Dourados Agora

Deixe seu Comentário

Leia Também

ALCOOLISMO
Menino de 9 anos é expulso de casa pela mãe alcoólatra por se recusar a roubar, no DF
LATROCINIO
Tentativa de assalto termina com pai morto e filho baleado
MENOR INFRATOR
Cobradora é apedrejada em assalto e adolescente é detido pela 4ª vez
FAMOSIDADES
Justiça condena Deborah Secco por desvio de dinheiro público
NOVELA GLOBAL
'Segundo sol': Severo vai morar com mendigos e vira vizinho de Agenor
CLUELDADE
Por mãe estar sem o celular, ladrão dá facada em bebê de 3 meses
ECONOMIA
Mercado financeiro já trabalha para traçar cenários sem Bolsonaro
PROCURA-SE
Adolescente desaparece e família recebe ligação misteriosa
TRAGÉDIA
Jovens irmãos morrem em grave acidente; caminhonete chegou a se partir ao meio
FAMOSIDADES
Justiça decreta prisão de Dado Dolabella por insulto à ex mulher