MEGA_OKA_CARROS_
FatimaNews - Notícias de Fátima do Sul e região
Fátima do Sul, 21 de Outubro de 2017
DELPHOS_FULL
7 de Julho de 2004 10h39

Produção de sementes em MS caiu 18% por conta da seca

A estiagem que assolou as lavouras de Mato Grosso do Sul provocando perdas principalmente na soja e no milho também afetou a produção de sementes que caiu, no caso da soja, em 18% em relação à de 2003. De acordo com o presidente da Aprossul (Associação dos Produtores de Sementes de Mato Grosso do Sul), Carmélio Romano Ross, a produção deste ano é de 1,3 milhão de sacos de 40 quilos contra os 1,6 milhão do ano passado. “Temos uma oferta bem ajustada às necessidades do mercado”, afirma.
O Mato Grosso do Sul, segundo ele, nunca produziu mais de 65% das necessidades internas mas, apesar disso e da quebra, ele não acredita que haja problemas por falta de sementes. Isso, explica, porque existem produtores guardam o grão para plantar como semente, além do produtor pirata de sementes, que recebe o grão, armazena e depois vende como semente para plantio. “Chamamos de pirata porque não têm identificação de origem”, explica Carmélio. Outra fonte é o Paraguai de onde anualmente vêm, em média, 200 mil sacos de sementes. O problema é que neste ano grandes fornecedores como o Paraná e Rio Grande do Sul também estão com as ofertas ajustadas por conta das perdas provocadas pela estiagem. Porém, somando às outras fontes citadas outra questão que, na avaliação de Carmélio, aponta que a oferta deverá ser ajustada mas não deve ocorrer problemas, é a demanda pelas sementes transgênicas, que já circulam no mercado, embora o plantio e comercialização estejam na pendência de legislação.
 
 
Campo Grande News
Comentários
Veja Também
FORTALEZA
FARMÁCIA_CENTROFARMA_300
Nossa_Lojas
Últimas Notícias
  
Nossa_Lojas
Eventos
dothCom © Copyright FatimaNews - Todos os Direitos Reservados.