Menu
SADER_FULL
sexta, 22 de fevereiro de 2019
LIMIT ACADEMIA
Busca
CANTINA BAH
Brasil

PRF contabiliza 1.744 acidentes no País; 79 morrem

9 Abr 2007 - 10h38
A Polícia Rodoviária Federal registrou aumento nos números de acidentes, mortos e feridos na Operação Semana Santa, encerrada ontem à meia-noite. Foram contabilizados 1.744 acidentes, 1.149 feridos e 79 vítimas fatais. Na operação de 2006 foram 1.408 acidentes (+23,86%), 889 feridos (+29,25%) e 77 mortes (+2,60%).

De acordo com técnicos da Coordenação-Geral de Operações da PRF, houve um aumento médio de 30% no fluxo de veículos, com picos próximos a 40% nos corredores metropolitanos. Na avaliação dos técnicos da CGO, a situação dos aeroportos provocou reflexos no trânsito das rodovias federais durante o feriado.
Dia mais violento
O dia mais violento da operação foi o domingo, quando foram computados 639 acidentes, com 359 feridos e 29 mortes. No primeiro dia da operação, na quinta-feira, que marcou a ida do feriado, foram registrados 507 acidentes, 337 feridos e 16 mortes. Durante os quatro dias de operação, foram fiscalizados 96.433 veículos, dos quais 20.995 foram autuados por diversas infrações. Um total de 1.102 veículos foram retidos e 359 CNHs foram recolhidas.
Minas
Mais uma vez o ranking de acidentes foi liderado por Minas Gerais, 324 no total. Depois vêm Santa Catarina (210), São Paulo (164), Rio Grande do Sul (158) e Rio de Janeiro (151). Minas Gerais foi novamente o Estado com maior número de mortos, com um total de 15 vítimas fatais. Em seguida vem São Paulo (14), Rio de de Janeiro (9), Goiás e Santa Catarina (5) e Mato Grosso do Sul e Maranhão (04). Minas também registrou o maior número de feridos, 201. Depois vêm Santa Catarina (157), Paraná (99), Rio Grande do Sul (81) e São Paulo (73).
 

Deixe seu Comentário

Leia Também

PERSISTÊNCIA
Ex-faxineiro se forma em Jornalismo e já está empregado
O QUE IMPORTA PARA VOCÊ?
Equipe médica leva paciente de UTI à formatura do filho
INDIGNAÇÃO
Pedreiro desafia Rodrigo Maia: 'Trabalhe 30 dias numa obra, que trabalho até os 80'
AMOR INCONDICIONAL
Cadela espera toda noite pela chegada de Boechat, diz mulher do jornalista
VIOLENCIA DOMESTICA
Reconstrução de rosto de mulher espancada na Barra vai durar seis meses, diz médico
REFORMA DA PREVIDÊNCIA
Aposentadoria é para viver, não para receber só à beira da morte
CHANTAGEM
Ladrões invadem estabelecimentos, obrigam funcionárias a tirarem a roupa, filmam e extorquem vítimas
FORAGIDO
Atirador invade escritório de advocacia e mata duas pessoas
BBB 19
Rízia chora por estar acorrentada: 'Vontade de desistir'
LARANJADA
Deputados do PSOL distribuem laranjas na chegada de Bolsonaro à Câmara