Menu
SADER_FULL
quarta, 23 de janeiro de 2019
LIMIT ACADEMIA
Busca
ITALÍNEA
Brasil

Presos ameaçam de morte autores de chacina

29 Mar 2007 - 09h23
Os três acusados de participação na chacina que vitimou uma família inteira no bairro Canaã I, no último domingo foram isolados em uma cela no 1º DP. Segundo a polícia eles estão sendo ameaçados de morte por presidiários. De acordo com informações policiais os detentos dizem "manda os matadores de criança aqui".

Os acusados foram presos na manhã de ontem. São eles: Cleber Júnior Garças, 24 anos, também conhecido como Caiçara, Fábio Teixeira Severo, 23 anos e Cláudio Eduardo Farias Teodoro, o "Dudu". Também foi apreendida a namorada de Caiçada, uma adolescente de 14, que está na Unei.

Caiçara é apontado como o autor dos disparos que mataram Vera Lúcia Leonardo Daleste, 48 anos, o pedreiro Abraão Israel Lucas, 36 anos, Natália, de 9 anos e Bruno, 13 anos. Eles morreram enquanto dormiam no interior da casa na rua Filinto Muller. Cleber disse que não se arrependeu de ter cometido o crime. Segundo o homicida, ele matou porque Abraão pediu para que ele baixasse o volume do som. "Ele veio com ignorância. Disse que precisava dormir já que não era vagabundo como a gente. A princípio eu não iria matá-lo mas acabou acontecendo", disse.
 
 
Dourados Agora

Deixe seu Comentário

Leia Também

LUTO - TV
Ator Caio Junqueira morre no Rio uma semana após acidente
ANJO DA GUARDA
Amigo dá lar a mulher que viveu 40 anos internada no HC
MAMATA
General corta contratinho de R$ 30 milhões para manter jornalistas no exterior
PERSISTÊNCIA
Filho de faxineira e porteiro passa em medicina no Paraná
RENOVAÇÃO LICENÇA
Extinção de mais 130 rádios comunitárias no Brasil deve alcançar emissora de Ponta Porã
CENAS FORTES
Vídeo flagra mulher sendo agredida por ex-marido com socos e chutes
GUERRA NO RJ II
Parentes de mortos durante chacina em São Gonçalo e Itaboraí dizem que vítimas eram inocentes
GUERRA NO RJ
Chacina deixa pelo menos 7 mortos na Região Metropolitana do Rio
BBB 19
Famosos protestam contra Maycon por agredir animais e mãe o defende: 'Não é um monstro'
MORTE A ESCLARECER
Exército investiga morte de sargento após teste de aptidão física