Menu
LIMIT ACADEMIA
quarta, 19 de dezembro de 2018
SADER_FULL
Busca
CANTINA BAH
Brasil

Prefeituras firmam convênio para recolhimento de ISS

6 Jul 2004 - 17h57
O governo do Estado de Mato Grosso do Sul e a Assomasul Asociação dos Municípios de Mato Grosso do Sul) firmarão convênio na quinta-feira, às 15h, para permitir que os municípios fiquem com recursos do ISSQN (Imposto Sobre Serviços de Qualquer Natureza) de obras executadas por empresas de fora da cidade. Pela situação atual, o ISS é descontado no local de origem da contratação da obra e não na cidade onde os serviços estão sendo executados, segundo o presidente da Assomasul, Dirceu Lanzarini (PL).
O convênio permitirá que os municípios recebam o ISS mesmo que a obra seja licitada pelo Estado. O convênio será firmado no mesmo ato em que o Tribunal de Contas lançará cartilha educativa para os prefeitos e agentes públicos que estão encerrando o mandato.
A cartilha, denominada “Contas Públicas em Final de Mandato” tem tiragem de 2 mil exemplares. São 96 páginas com informações de assuntos como a Lei de Responsabilidade Fiscal, Dívida e Endividamento, Restos a Pagar, Despesa com Pessoal, Lei Eleitoral e Transmissão de Cargo.

 

 

 

 

Campo Grande News


Deixe seu Comentário

Leia Também

A QUE PONTO CHEGAMOS
Mãe mata o próprio filho após ser flagrada com amante pelo menino
MINÍSTRA DO MS NO GOVERNO BOLSONARO
Tereza Cristina anuncia seis secretários para Ministério
FAMOSIDADES
Silvio Santos se pronuncia sobre polêmica com Claudia Leitte e reage a campanha feminista
NOVELA GLOBAL
'O sétimo guardião': Sóstenes cometeu crime por amor a Luz
ABUSO SEXUAL
João de Deus se entrega para a polícia
ACIDENTE
Criança de dois anos se enforca com a alça da bolsa enquanto brincava em escola
CASO JOÃO DE DEUS
Marina Ruy Barbosa intervém no caso João de Deus e impede uma grande tragédia
PRISÃO DECRETADA
Justiça de Goiás decreta prisão de João de Deus
STARTUPS NO BRASIL JÁ É SUCESSO
O sucesso das startups no Brasil e algumas novas apostas no mercado
REVOLTANTE
Filha de João de Deus diz que foi abusada dos 10 aos 14 anos: 'Meu pai é um monstro'