Menu
SADER_FULL
sábado, 18 de agosto de 2018
LIMIT ACADEMIA
Busca
ITALÍNEA
Brasil

Prefeitos pedem a Lula aumento do Fundo dos Municípios

10 Nov 2004 - 16h42

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva apelou, nesta terça-feira, aos 45 prefeitos a quem recebeu, no Palácio do Planalto, para que, juntamente com os governadores, mobilizem o Congresso Nacional para que retome a votação da reforma tributária, parada na Câmara desde o início deste ano.

O apelo foi feito depois que os prefeitos pediram que o governo garanta o aumento de 1 ponto percentual nos repasses do Fundo de Participação dos Municípios (FPM), incluído na reforma tributária aprovada pelo Senado, ano passado.

A prefeita eleita de Maceió, Kátia Born, que falou pelo grupo de prefeitos, assegurou que com a liberação desses recursos ainda este ano será possível assegurar o pagamento do décimo terceiro salário dos servidores das prefeituras, evitando que os prefeitos tenham dificuldades com suas contas e com a Lei de Responsabilidade Fiscal.

A reforma tributária foi aprovada no Senado em 2003, incluindo o aumento dos repasses federais pelo FPM, mas a proposta de emenda constitucional parou na Câmara, no começo do ano, depois de ser aprovada pelo Comissão Especial.

O projeto foi remetido ao plenário, mas parou desde que o governo saiu das negociações diante da falta de acordo entre os governadores para alterar as regras do ICMS. Mesmo que seja retomada a votação, dificilmente ela poderia entrar em vigor ainda este ano, já que são necessárias duas votações com a aprovação de mais de 308 deputados.

A reforma tributária prevê a unificação das 27 legislações estaduais em uma só lei estadual. Os governadores têm criado dificuldades, temendo a perda de receita com o seu principal imposto estadual.

Embora a discussão tenha sido predominantemente econômica, o ministro da Fazenda, Antônio Palocci, que recebeu os prefeitos no gabinete de Lula, não participou das conversações. "Fez apenas um breve cumprimento, mas se retirou", informou o prefeito eleito de Nova Iguaçu (RJ), Lindberg Faria (PT). Participaram, ainda, da reunião com os prefeitos o ministro da Coordenação Política, Aldo Rebelo, e o ministro-chefe da Casa Civil, José Dirceu.

 

Assomasul

Deixe seu Comentário

Leia Também

CRIME PASSIONAL
Marido flagra esposa com suposto amante e caso termina em morte
NOVELA GLOBAL
Remy pode não ter morrido em 'Segundo sol'; veja os indícios
TECNOLOGIA
Segunda via do RG pode ser solicitada pela internet
BOA AÇÃO
Empresário curado faz doação milionária para hospital público
VIOLENCIA
Homem desce do carro e mata mulher com tiro a queima roupa
NOVELA GLOBAL
'Segundo sol': Laureta confessa que matou Remy; Karola foi cúmplice
PRESO EM 2010
Morre o homem apontado como maior contrabandista de cigarros do País
ELEIÇÕES 2018 - REGISTRO FEITO
AGORA: PT registra candidatura de Lula e tem até 17 de setembro para trocar candidato
BRIGA DE FAMILIA
Briga de irmãos termina com faca cravada na cabeça de jovem adolescente
NOVELA GLOBAL
Em 'Segundo sol', Zefa rompe com Severo: 'Você não merece nada de bom de mim!'