Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
sexta, 23 de agosto de 2019
SADER_FULL
Busca
ÁGUAS DE BONITO
Brasil

Prefeito de Coronel Sapucaia é afastado do cargo por 60 dias

8 Out 2004 - 07h34
O prefeito de Coronel Sapucaia, Eurico Mariano (PMDB) foi afastado do cargo, pela Justiça, por um período de 60 dias.

O afastamento do chefe do executivo foi comunicado ao presidente da Câmara Municipal, vereador Irineu Kraieviski (PT), hoje, por volta do 12h30.

No oficio, encaminhado ao presidente da Casa pelo Juiz de Direito da 1º Vara Cível e de Execuções Penais da Comarca de Amambai, Dr. Albino Coimbra Neto, além de comunicar o afastamento do prefeito, também pede a convocação imediata do vice-prefeito, Gilmar Luiz Tertuliano (PMDB) para assumir o cargo.

Segundo Irineu Kraieviski, assim que recebeu o comunicado da Justiça, onde aponta o afastamento do prefeito, a mesa diretora da Casa de Leis tomou as providências em convocar o vice para assumir o cargo. Corre, em desfavor do prefeito de Coronel Sapucaia, Eurico Marino, processos na Justiça, mas os motivos que levaram o afastamento do chefe do executivo de suas funções ainda não foram revelados.

Eurico Mariano foi suspeito de envolvimento no homicídio do radialista Samuel Ramón.

 

 

Cone Sul News

Deixe seu Comentário

Leia Também

POSSE DE ARMA
Posse de arma em toda extensão da fazenda é aprovada e segue para sanção
SUICIDIO OU HOMICIDIO
Advogada criminalista é encontrada morta com tiro na cabeça em sua casa
DENUNCIA GRAVE
Mães denunciam abuso sexuais e agressões em creche
TENTATIVA DE HOMICIDIO
Homem ateia fogo no próprio corpo após esfaquear mulher
NOVELA GLOBAL
Chiclete conta a Vivi a verdade sobre sua vida de matador em 'A dona do pedaço'
DUPLO ASSASSINATO
Vereador e filho foram assassinados dentro de casa
FATALIDADE
Menina de 7 anos é atacada por pitbull e morre na casa dos avós
CRIMINOSO FORAGIDO
Ataque com machadinha deixa alunos e professora feridos em escola
POLEMICA II
Após polêmica, deputado diz que não existe PL de poliamor ou casamento entre mães e filhos
CONFISSÃO
Filhos investigam e descobrem que pai matou a mãe há 37 anos