TASS_MOTORS
FatimaNews - Notícias de Fátima do Sul e região
Fátima do Sul, 16 de Dezembro de 2017
RIO_DOURADOS
DELPHOS_FULL
30 de Junho de 2004 10h48

Prefeito de Coronel Sapucaia confiante sobre candidatura

Depois de obter ontem no STF (Supremo Tribunal Federal) uma liminar que suspende o pedido de prisão determinado pela Justiça, o prefeito de Coronel Sapucaia, Eurico Mariano (PMDB), está certo de que seu nome vai ser homologado esta tarde como candidato da legenda para disputar a prefeitura da cidade, apesar da acusação de participação no assassinato do radialista paraguaio Samuel Róman, em abril deste ano.
Em entrevista ao Campo Grande News, ele afirmou que é inocente e atribuiu aos adversários políticos as denúncias contra ele, que envolvem também o assassinato de um homem no Paraguai, há dois meses. Sobre um eventual prejuízo eleitoral advindo da acusação de homicídio, o prefeito disse estar tranqüilo. “Vou reverter mostrando a verdade. A Justiça vai apontar isso”, declarou. “O eleitorado da minha cidade me conhece, sabe que eu não seria capaz disso”.
O prefeito afirma que a polícia se baseou em informações “maldosas” para aponta-lo como suspeito da execução de Román. Ainda segundo o prefeito, as investigações foram “estranhamente” direcionadas para o nome dele. Mariano cobrou investigações em outros casos policiais na região, entre eles o assassinato, em fevereiro, do fazendeiro João Alcaráz. “Até hoje, ninguém fez nada”.
Mariano vai tentar ser prefeito pela terceira vez em Coronel Sapucaia. Filiado ao PMDB há 30 anos, segundo contou, ele exerce cargos políticos desde que o município era apenas um distrito de Amambaí. O PMDB partido do prefeito pode se coligar na cidade com o PSDB PTB e, conforme o prefeito, está mantendo contatos também com o PFL e o PDT. O candidato a vice deve sair de uma dessas legendas.
 
CG News
Comentários
Veja Também
FARMÁCIA_CENTROFARMA_300
pupa
FORTALEZA
Últimas Notícias
  
LISTINHA_ONLINE
Eventos
dothCom © Copyright FatimaNews - Todos os Direitos Reservados.