Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
quarta, 23 de janeiro de 2019
SADER_FULL
Busca
CANTINA BAH
Brasil

PPS protesta contra Renan com bezerra no Congresso

6 Jul 2007 - 17h38

Sem a presença de deputados e senadores nesta sexta-feira (6), o Congresso recebeu a visita de cerca de 50 integrantes da juventude do PPS. Juntos, levaram uma bezerra para protestar contra o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), acusado de receber ajuda de um lobista para pagar despesas pessoais. A bezerra é uma referência aos argumentos de Renan de que tem renda suficiente com venda de gado para arcar com suas despesas.

Os manifestantes do PPS não puderam entrar no Congresso. Ficaram do lado de fora, onde fizeram pouco barulho, mas chamaram a atenção por ser um dia vazio e tranquilo no Congresso.

Nas faixas, críticas à corrupção no Brasil e a Renan Calheiros. "É um ato para simbolizar o que a sociedade vem pensando sobre a política no país", disse Maiko Vieira, 33, presidente da Juventude do PPS. O efetivo policial chamado para monitorar o protesto era o triplo do número de manifestantes.

Os integrantes do PPS disseram, com ironia, que gostariam de entregar a bezerra a Renan, que não apareceu no Senado nesta sexta-feira.

 

 

Mídia Max

Deixe seu Comentário

Leia Também

LUTO - TV
Ator Caio Junqueira morre no Rio uma semana após acidente
ANJO DA GUARDA
Amigo dá lar a mulher que viveu 40 anos internada no HC
MAMATA
General corta contratinho de R$ 30 milhões para manter jornalistas no exterior
PERSISTÊNCIA
Filho de faxineira e porteiro passa em medicina no Paraná
RENOVAÇÃO LICENÇA
Extinção de mais 130 rádios comunitárias no Brasil deve alcançar emissora de Ponta Porã
CENAS FORTES
Vídeo flagra mulher sendo agredida por ex-marido com socos e chutes
GUERRA NO RJ II
Parentes de mortos durante chacina em São Gonçalo e Itaboraí dizem que vítimas eram inocentes
GUERRA NO RJ
Chacina deixa pelo menos 7 mortos na Região Metropolitana do Rio
BBB 19
Famosos protestam contra Maycon por agredir animais e mãe o defende: 'Não é um monstro'
MORTE A ESCLARECER
Exército investiga morte de sargento após teste de aptidão física