Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
segunda, 21 de janeiro de 2019
SADER_FULL
Busca
ITALÍNEA
Brasil

Polícia Rodoviária Federal anuncia 'Operação Férias Escolares'

27 Jun 2007 - 16h50

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) inicia nesta sexta-feira (29) a Operação Férias Escolares, que vai até o dia 29 de julho de 2007. Serão monitorados mais de 61 mil quilômetros de rodovias federais em todo país.

Problemas nos aeroportos, a indústria automobilística aquecida, a realização dos Jogos Pan-Americanos no Rio de Janeiro e as estradas recuperadas estão entre as principais preocupações da corporação para conter os aumentos dos índices de ocorrências. 

Um efetivo de 9.600 policiais será deslocado para conter imprudências, excesso de velocidade e ultrapassagens proibidas, consideradas as principais causas de acidentes e infrações.

Segundo a PRF, nas últimas três operações, os números de acidentes com feridos e vítimas fatais se mantiveram estáveis. "É uma pena, mas o condutor brasileiro ainda vê a estrada boa como uma oportunidade para abusar da velocidade e das ultrapassagens indevidas", disse o coordenador de Controle Operacional da PRF, Inspetor Alvarez Simões.

No período de 30 de junho a 30 de julho de 2006, a Operação Férias Escolares registrou 9.049 acidentes, com 5.781 feridos. A PRF informou ter ocorrido 553 mortes no mesmo período do ano passado.

 Crise aérea

Desde o início dos problemas nos aeroportos do país, a PRF registrou o aumento de ocorrências nas operações. No Carnaval, por exemplo, a corporação deslocou policiais do serviço administrativo para reforçar o policiamento. Nos seis dias da operação, os índices de acidentes, mortos e feridos cresceram 8,09%, 15,08% e 13,36%, respectivamente.

Segundo a PRF, as dificuldades no setor aéreo, como longas filas, atrasos e cancelamentos de vôos devem ter reflexo também no tráfego das rodovias federais. Logo depois dos primeiros sinais da crise aérea, no fim de 2006, a PRF realizou a Operação Verão, que engloba os feriados de Natal, Reveillon, férias de janeiro e Carnaval.

Os números foram considerados preocupantes. Durante os 80 dias da operação, foram registrados 27.015 acidentes, 7,48% a mais do que na edição anterior. A PRF também registrou 1.434 mortes, um aumento de 3,46% sobre os números de 2006. Foram 16.990 feridos, o que representou um crescimento de 10,39% sobre os dados do ano anterior.

O Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (IPEA) revelou, em pesquisa, que o Brasil perdeu mais de R$ 1,5 bilhão com vítimas em acidentes durante a Operação Verão.

 

 

G1

Deixe seu Comentário

Leia Também

MORTE A ESCLARECER
Exército investiga morte de sargento após teste de aptidão física
CASO DE POLÍCIA
Rapaz morre em pátio de motel
MINISTRA DO MS NO GOVERNO BOLSONARO
Ministra Tereza Cristina garante fortalecer cadeia do leite e agricultura familiar
PROBLEMAS MENTAIS
Casal é brutalmente agredido a enxadadas pelo filho
BARRADO
Filho do cantor Marciano diz ter sido impedido de ir no velório do pai
A COBRA VAI FUMAR - SEGURANÇA NO MS
MS fecha o cerco contra a violência na fronteira em mega operação
LUTO NA MÚSICA
Marcelo Yuka, fundador do Rappa morre aos 53 anos
ROTEIRO ESPECIAL PARA O RIO DE JANEIRO
Roteiro diferente para continuar conhecendo o Rio de Janeiro
DICA DE TURISMO E FÉRIAS
Dicas para curtir uma temporada em Arraial do Cabo
LUTO - ESPORTE
Morre Jackelyne da Silva, ginasta da seleção brasileira, aos 17 anos