Menu
SADER_FULL
sábado, 16 de fevereiro de 2019
LIMIT ACADEMIA
Busca
ITALÍNEA
Brasil

PMDB pode ser responsabilizado se votar mal, diz Ramez

23 Jul 2004 - 08h44

O senador Ramez Tebet afirmou hoje que o PMDB pode ser responsabilizado pela situação do país “se os parlamentares votarem mal”. A afirmação foi feita pelo senador durante entrevista no programa Capital News. Como exemplo de uma boa votação ele citou a questão do salário mínimo, quando os parlamentares do PMDB de Mato Grosso do Sul votaram pelo valor de R$ 275,00, proposta que acabou sendo derrotada.

Ramez falou da questão da reforma tributária que, segundo ele, ainda não foi realizada. “Quando o presidente levou o projeto foi acompanhado por todos os governadores e diziam que essa é a reforma que o governo federal quer e que os 27 governadores querem, mas logo em seguida alguns governadores, dos estados mais ricos, começaram a puxar a brasa para a sua sardinha”, afirmou.

Ele lembrou que o projeto foi entregue à Câmara, que votou da forma que o Governo federal queria. Em seguida foi encaminhado ao Senado, onde sofreu uma série de modificações. Retornou à Câmara, mais ainda não foi votado definitivamente.

Para o senador, a reforma não vai realmente modificar a situação tributária no país. “Precisamos fazer coisas concretas. Temos, por exemplo, que tirar as pessoas da informalidade. Isso vai aumentar a renda das pessoas e aumentar a arrecadação”, explicou.

 

Mídia Max

Deixe seu Comentário

Leia Também

BARBÁRIE
Rosane Santiago Silveira, torturada e morta em sua própria casa
CARRO DE APLICATIVO
Mulher é estuprada após aceitar água e bala em carro de app
VIOLENCIA DOMESTICA
Enquanto Lírio Parisotto era condenado, Luiza Brunet discutia campanha contra violência doméstica
CANALHA
Criança de 4 anos é estuprada no próprio aniversário
HORARIO DE VERÃO
Atrase seu relógio! Horário de verão termina neste sábado(16)
CARCERE PRIVADO
Mulher é chicoteada com fio elétrico pelo marido
TRAGÉDIA NA FAMILIA
Lutador de MMA mata ex de 16 anos, tenta suicídio e morre horas depois em hospital
VIOLENCIA NO RIO
Menina de 11 anos é baleada e morta em Triagem; moradores protestam
DOENÇA GRAVE
Leiliane ganha acompanhamento médico após desastre com Boechat
SOLIDARIEDADE
Jovem faz campanha para pagar cirurgia de cachorro que vive com tumor 'gigante'