Menu
LIMIT ACADEMIA
segunda, 15 de outubro de 2018
SADER_FULL
Busca
ITALÍNEA
Brasil

PMDB está livre para criticar PT, diz Temer

28 Jul 2004 - 08h10
O presidente nacional do PMDB, Michel Temer, disse ontem em Porto Alegre que o partido "está livre para criticar o PT e o governo Lula durante a campanha eleitoral deste ano". Ele esteve em Porto Alegre para a inauguração do comitê do candidato Mendes Ribeiro Filho à Prefeitura de Porto Alegre.

Segundo o jornal Correio do Povo, Temer salientou a aliança entre PMDB e PT foi firmada pela governabilidade do país e não para fortalecer os partidos para as eleições. Candidato a vice na chapa de Luiza Erundina em São Paulo, ele destacou também que o PMDB deixará os ministérios e cargos ocupados no Planalto um ano antes das eleições de 2006, caso o partido lance candidatura própria à Presidência.

"Se essa decisão for tomada a situação ficará delicada e com certeza deixaremos o governo", afirmou. Para Temer, o PMDB tem diversas lideranças preparadas para concorrer à Presidência, como o governador Germano Rigotto e o presidente regional do partido, senador Pedro Simon.

 

 

 

Terra

Deixe seu Comentário

Leia Também

ASSASSINATO
Rapaz agride avós de adolescente que não quis namorar com ele; avó morreu
TRAGEDIA NA RODOVIA
Carro ocupado por sete pessoas se envolve em acidente; cinco morreram
REVOLTANTE
Menina de 11 anos é estuprada por detento ao visitar irmão em presídio
ACIDENTE FATAL
Douradense morre em acidente no RS
REALITY SHOW
A Fazenda 10: Ana Paula é eliminada e se manifesta contra Bolsonaro
FACÇÃO CRIMINOSA
Decapitada por Satã do PCC, jovem morreu por exigir respeito após roubo de chinelo
REVISTA VEJA
Pesquisa: Bolsonaro tem 54% dos votos válidos; Haddad, 46%
A FAZENDA
Fazendeiro Evandro Santo gera nova punição
COPA DO BRASIL
Corinthians promete maior prêmio de sua história por título
VIOLENCIA
Jovem não reage a assalto mesmo assim é baleado dentro de ônibus