Menu
LIMIT ACADEMIA
sexta, 14 de dezembro de 2018
SADER_FULL
Busca
CANTINA BAH
Brasil

PMA flagra cozinheira com 100 quilos de peixe no Pantanal

20 Set 2010 - 08h46Por

Operação da PMA (Polícia Militar Ambiental) flagrou uma cozinheira com 100 quilos de pescado. Ela foi encontrada na Estrada Parque” de acesso ao Porto da Manga, no Pantanal, ontem à noite.

Segundo a PMA, os peixes estavam na caminhonete Toyota, placa HQZ 2810, que foi fiscalizada na ação.

No veículo estavam, além dos peixes, sete pessoas. A cozinheira de 31 anos confessou o crime.

Ela disse que comprou espécies de cachara e pintado por R$ 8,00 e venderia por R$ 10,00.

Os peixes já estavam cortados em filé. O pescado com destino ao comércio, para ser "filetado", só é permitido com autorização da fiscalização, que após a vistoria, expede o documento, Guia de Controle de Pescado e o responsável deve apresentar a Nota Fiscal.

A cozinheira recebeu multa de R$ 2,7 mil. Ela também foi autuada em flagrante pelo crime ambiental e, caso seja condenada, a pena para este tipo de crime é de detenção, de um a três anos, ou multa, ou ambas as penas cumulativamente. (informações da PMA)

Deixe seu Comentário

Leia Também

JUSTIÇA - WHATSAPP
Administradora de grupo no WhatsApp, foi “condenada” á pagar 3 mil por discussão de membros
DICAS DE SERVIÇO DE HOSPEDAGEM NA WEB
Vai criar um blog ou um site?, saiba aqui tudo sobre o serviço de hospedagem
ALERTA NA NET
Golpe no WhatsApp engana usuários ao prometer brindes falsos de Natal
NOVELA GLOBAL
'O sétimo guardião': Luz passa mal ao abraçar e beijar a mãe pela primeira vez
FURACÃO
Atlético-PR ganha nos penaltis e é campeão da Sul-Americana
PROVAS ROBUSTAS
PF apreende R$ 2 milhões em busca em endereços de Aécio e aliados de Temer
INCREDIBILIDADE
Um Governo ficha-suja: mais da metade dos ministros estão enrolados
NOVELA GLOBAL
'O sétimo guardião': Aranha descobre marca de pata de gato de Gabriel, tira foto e conta aos guardiã
SUSTO
Celular pega fogo no bolso da calça e deixa homem com queimaduras na perna e mãos
PROCURADO
Com prisão decretada desde setembro, Dado Dolabella é considerado foragido da Justiça