Menu
SADER_FULL
sexta, 14 de dezembro de 2018
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
CANTINA BAH
Brasil

PMA autua turista paulista por pesca predatória

6 Out 2010 - 08h52Por Dourados News

Policiais Militares Ambientais de Três Lagoas realizaram operação de fiscalização fluvial ontem no rio verde em Água Clara e autuaram o turista Hatushi Tanaka, residente na cidade de Cafelândia, no interior de São Paulo.

 

Pela manhã, os policiais verificaram, em um local do rio, entre as fazendas Barrerinho e Água Limpa, vários anzóis de galho armados (petrecho proibido para a pesca amadora) e surpreenderam o autuado armando um espinhel com vários anzóis (petrecho proibido para qualquer modalidade de pesca).

Hatushi confessou que todos os petrechos ali armados eram seus e que ele estava colocando iscas da espécie tuvira.

Diante disso, os policiais fizeram a apreensão do barco do autuado, um motor de popa, um molinete, um espinhel de corda com 13 anzóis e 10 anzóis de galho e fizeram um auto administrativo, arbitrando multa de R$ 1.600,00 conta o Hatushi.

Ele também responderá pelo crime ambiental de pesca predatória e, se condenado, poderá pegar pena de um a três anos de detenção.

Durante a operação, os policiais ainda recolheram 16 redes de pesca, que estavam armadas no rio, perfazendo mais de um quilômetro. Das redes foram retirados diversos peixes vivos que foram soltos e mais 10 quilos de peixes de várias espécies que estavam mortos.

Os proprietários dos petrechos proibidos não foram encontrados.

Deixe seu Comentário

Leia Também

CASO JOÃO DE DEUS
Marina Ruy Barbosa intervém no caso João de Deus e impede uma grande tragédia
PRISÃO DECRETADA
Justiça de Goiás decreta prisão de João de Deus
STARTUPS NO BRASIL JÁ É SUCESSO
O sucesso das startups no Brasil e algumas novas apostas no mercado
REVOLTANTE
Filha de João de Deus diz que foi abusada dos 10 aos 14 anos: 'Meu pai é um monstro'
NOVELA GLOBAL
'O sétimo guardião': Robério beija Marcos Paulo e a agride ao descobrir que ela é trans
DESTAQUE MUNDIAL
Dois brasileiros estão no Top 50: melhores professores do mundo
JUSTIÇA - WHATSAPP
Administradora de grupo no WhatsApp, foi “condenada” á pagar 3 mil por discussão de membros
DICAS DE SERVIÇO DE HOSPEDAGEM NA WEB
Vai criar um blog ou um site?, saiba aqui tudo sobre o serviço de hospedagem
ALERTA NA NET
Golpe no WhatsApp engana usuários ao prometer brindes falsos de Natal
NOVELA GLOBAL
'O sétimo guardião': Luz passa mal ao abraçar e beijar a mãe pela primeira vez