SUCURI_MEGA
FatimaNews - Notícias de Fátima do Sul e região
Fátima do Sul, 17 de Outubro de 2017
DELPHOS_FULL
6 de Outubro de 2004 17h17

Plantio de grãos está atrasado em algumas regiões

A demora das chuvas, a dificuldade na obtenção de crédito e os preços baixos das commodities fizeram com que os produtores adiassem o plantio de grãos em algumas regiões do País. Esse é o caso da soja e do milho no Centro-Sul e do feijão e do arroz no Sul do País.

No Rio Grande do Sul, a seca foi o principal fator para o atraso do plantio de arroz, sobretudo no oeste - onde os níveis das barragens estão baixos -. A região oeste responder por 30% da safra gaúcha de arroz. Apesar do atraso, não deve haver problemas de produtividade, pois o grão ainda está seguindo seu calendário de plantio, diz o analista Aldo Lobo, da Safras & Mercado.

No entanto, como as barragens estão em níveis mais baixos do que o esperado para esta época do ano, estima-se uma redução de até 7% da área cultivada com arroz.

No Centro-Sul, a falta de chuvas está afetando o plantio de milho e soja, mas lá o fator determinante tem sido o atraso na liberação do crédito oficial. "Com a alta do preço dos insumos e as projeções de preços futuros menores, todos os produtores ficaram sem saber o que fazer e atrasaram o plantio", afirma Daniel Dias, analista da FNP Consultoria.

Em Mato Grosso do Sul, apenas 2% do milho foi cultivado, para uma média de 18% nesta época do ano, segundo a Safras & Mercado. O cultivo está atrasado em São Paulo e Goiás, onde foi plantada apenas 2% da área, para uma média de até 25% em 2003. "Está faltando chuva para o preparo do solo e o início do plantio", afirma Anderson Cesconetto, técnico da Federação da Agricultura do Estado de Mato Grosso do Sul (Famasul).




Agrolink
Comentários
Veja Também
REINO_MATRÍCULAS_2017
HERBALIFE_300
LIMIT ACADEMIA_BOTTON
Últimas Notícias
  
MBO_SEGURANÇA_300
Eventos
dothCom © Copyright FatimaNews - Todos os Direitos Reservados.