Menu
SADER_FULL
sábado, 16 de fevereiro de 2019
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
ITALÍNEA
Brasil

Piso do trabalhador rural de MS passa a ser de R$ 307

20 Jul 2004 - 13h13
 

A Convenção Coletiva de Trabalho da Categoria Rural de Mato Grosso do Sul realizada na manhã desta terça-feira estabeleceu como R$ 307,00 valor do novo piso salarial do trabalhador rural. O índice de reajuste para quem ganha mais de um salário ficou em 9% e, nos dois casos, o aumento ficou acima do concedido pelo governo federal.

A Fetagri (Federação dos trabalhadores da Agricultura) apresentou a Famasul (Federação da Agricultura e Pecuária de Mato Grosso do Sul) uma pauta de reivindicações, cuja principal questão era a alteração do piso salarial. As demais cláusulas referentes ao contrato de trabalho, permanecem conforme regulamentação atual.

A negociação começou com um pedido de reajuste de R$ 275,00 para R$ 370,00, por parte dos trabalhadores e de 302,50, por parte da classe patronal. Após duas rodadas de negociações, o reajuste foi decidido através do bom senso, ficando acima da proposta patronal e abaixo da apresentada pelos trabalhadores. Porém, como já é uma tradição no setor rural, a tranqüilidade e a coerência deram o clima necessário para a conclusão do processo.

De acordo com Silvio Amado, coordenador dos debates da convenção e representante dos produtores rurais, as negociações marcam mais uma vez o bom relacionamento entre patrões e empregados rurais, "espero que os produtores e trabalhadores rurais aceitem bem esta decisão da convenção", afirmou.

Amado ressaltou que o reajuste concedido ficou acima do índice fixado pelo governo federal para os demais trabalhadores, que foi de R$ 260,00. Para o presidente da Fetagri, Geraldo Teixeira de Almeida, mesmo sem alcançar o índice solicitado, houve avanço para o trabalhador. "Nossa proposta era bem mais alta, mas chegamos a um acordo. Sentamos juntos, como já é de costume, e eu digo que pra nós foi um avanço", avaliou Almeida.

 

Mídia Max

Deixe seu Comentário

Leia Também

BARBÁRIE
Rosane Santiago Silveira, torturada e morta em sua própria casa
CARRO DE APLICATIVO
Mulher é estuprada após aceitar água e bala em carro de app
VIOLENCIA DOMESTICA
Enquanto Lírio Parisotto era condenado, Luiza Brunet discutia campanha contra violência doméstica
CANALHA
Criança de 4 anos é estuprada no próprio aniversário
HORARIO DE VERÃO
Atrase seu relógio! Horário de verão termina neste sábado(16)
CARCERE PRIVADO
Mulher é chicoteada com fio elétrico pelo marido
TRAGÉDIA NA FAMILIA
Lutador de MMA mata ex de 16 anos, tenta suicídio e morre horas depois em hospital
VIOLENCIA NO RIO
Menina de 11 anos é baleada e morta em Triagem; moradores protestam
DOENÇA GRAVE
Leiliane ganha acompanhamento médico após desastre com Boechat
SOLIDARIEDADE
Jovem faz campanha para pagar cirurgia de cachorro que vive com tumor 'gigante'