Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
quinta, 22 de agosto de 2019
LIMIT ACADEMIA
Busca
ÁGUAS DE BONITO
Brasil

PIB do Brasil cresceu 5,7% no segundo trimestre do ano

31 Ago 2004 - 10h34
O Produto Interno Bruto (PIB) do Brasil cresceu 5,7% no segundo trimestre do ano, ante igual período de 2003 e registrou aumento de 1,5% sobre o primeiro trimestre, no indicador com ajuste sazonal, segundo dados divulgados hoje pelo IBGE.

Esses resultados ficaram dentro das estimativas do mercado que variavam de 4,1% a 6,9% para a comparação com o 2º trimestre de 2003 e entre 0,9% e 2% em relação aos primeiros três meses do ano. No acumulado do primeiro semestre de 2004, o PIB cresceu 4,2% e no acumulado dos últimos quatro trimestres a alta foi de 1,7% ante os quatro trimestres imediatamente anteriores.

O resultado do segundo trimestre, ante o mesmo período de 2003, ficou 0,7 ponto porcentual acima da mediana das expectativas do mercado. A taxa de expansão do PIB do segundo trimestre ante o primeiro trimestre ficou 0,40 ponto porcentual acima da mediana das projeções. O aumento de 5,7% do PIB ante o segundo trimestre de 2003 foi a maior taxa registrada pelo IBGE nessa base de comparação desde o terceiro trimestre de 1996.

Indústria puxa crescimento - A indústria puxou o crescimento de 5,7% do PIB no segundo trimestre ante igual período de 2003. Segundo o IBGE, a indústria cresceu 6,6% nesta base de comparação, enquanto a agropecuária registrou crescimento de 5%, e os serviços, de 4,4%. Na comparação do segundo trimestre com o primeiro trimestre deste ano o maior crescimento entre os setores foi registrado nos serviços (2,5%), enquanto a agropecuária (-0,3%) e a indústria (0,2%) apresentaram taxas nesta série com ajuste sazonal consideradas "estáveis" pelo IBGE.

No acumulado do primeiro semestre do ano, o maior resultado entre os setores foi registrado na agropecuária, com aumento de 5,7% ante igual semestre do ano passado. A indústria cresceu 4,7% no semestre e os serviços registraram alta de 2,8%. Segundo o IBGE, o aumento de 4,2% do PIB do País no primeiro semestre de 2004 foi o maior registrado em um primeiro semestre desde o ano 2000 quando o crescimento havia sido de 4,7%.

Crescimento de investimentos - Os dados do PIB mostram crescimento dos investimentos no País. o indicador que mede os investimentos, que é Formação Bruta de Capital Fixo (FBCF) mostrou crescimento de 11,7% no segundo trimestre deste ano ante igual período do ano passado. Houve aumento dos investimentos também no segundo trimestre na comparação com o primeiro trimestre (1,5%), e acumulou aumento de 6,8% no primeiro semestre ante igual período de 2003, representando a taxa semestral mais alta de crescimento dos investimentos desde 2001.

Segundo avalia o IBGE, "a formação bruta de capital fixo mostrou crescimento de 1,5% no primeiro semestre, ratificando a retomada iniciada no terceiro trimestre de 2003".

 

Agência Popular


Deixe seu Comentário

Leia Também

FATALIDADE
Menina de 7 anos é atacada por pitbull e morre na casa dos avós
CRIMINOSO FORAGIDO
Ataque com machadinha deixa alunos e professora feridos em escola
POLEMICA II
Após polêmica, deputado diz que não existe PL de poliamor ou casamento entre mães e filhos
CONFISSÃO
Filhos investigam e descobrem que pai matou a mãe há 37 anos
MAL SUBITO
Policial militar tem mal súbito e morre no mesmo dia que descobriu que seria pai
NOVELA GLOBAL
Régis oferece vender loja para dar dinheiro a Maria da Paz em 'A dona do pedaço'
POLÊMICA
Vale Tudo: projeto libera casamento entre mães e filhos e revolta MS
100 VERBAS
Emissão de CPF e restituição do IR podem ser suspensas pela Receita
100 PENA
'Não tem que ter pena', diz Jair Bolsonaro sobre uso de atirador de elite após sequestro de ônibus
ACIDENTE TRÁGICO
Morte de três profissionais em acidente comove a cidade