Menu
LIMIT ACADEMIA
terça, 18 de junho de 2019
SADER_FULL
Busca
ÁGUAS DE BONITO
Brasil

PF não chega a acordo e ameaça greve de 72 horas

9 Mai 2007 - 10h28
Os policiais federais não aceitaram a proposta feita pelo governo federal na terça-feira (8) de pagar o reajuste salarial de 30% em três parcelas em 2008, 2009 e 2010. Uma nova reunião entre os representantes da PF e do Ministério do Planejamento deve acontecer na sexta-feira (11) ou na segunda-feira (14).
 
Em nota, o presidente da Associação Nacional dos Delegados de Polícia Federal (ADPF), Sandro Torres Avelar, disse que considerou a proposta "inaceitável". A Federação Nacional dos Policiais Federais (Fenapef) informou que a categoria está insatisfeita.
 
Os policiais alegam que o governo havia se comprometido a pagar o reajuste no ano passado. Por isso, eles não aceitam o parcelamento a longo prazo.
 
 Greve de 72 horas
Os policiais federais haviam marcado uma paralisação de 48 horas entre os dias 7 e 8 de maio. Como a reunião com o Ministério do Planejamento foi marcada, o protesto foi cancelado.
 
Os trabalhadores afirmam, entretanto, que estão mobilizados e, caso não haja acordo, será realizada uma greve de 72 horas entre os dias 22, 23 e 24 deste mês.

 

 

 

G1


Deixe seu Comentário

Leia Também

VIDA SEDENTARIA
OMS alerta: Criança menor de 3 anos não deve ficar nem um minuto em tablet ou celular
HOMICIDIO X SUICIDIO
Pai que matou o filho de 4 anos e se matou não se conformava com namoro da ex-mulher
DOENÇA DO SÉCULO
Jovem de 19 anos, com depressão comete suicídio e comove amigos
ASSASSINATO CRUEL
O massacre do menino Rhuan e o silêncio da grande mídia
FAMOSIDADES
Homem discute com mulher e mata bebê de quatro meses
SOLIDARIEDADE
Bebê nasce sem os olhos e mobiliza cidade do Paraná
TRAGÉDIA NA FAMILIA
Pai mata filho de quatro anos e se mata por não aceitar fim do relacionamento
ASSASSINATO
Marido da deputada é morto a tiros
MULHER DO PRESIDENTE
Esposa de Jair Bolsonaro cai na internet, fotos íntimas são exibidas e todos ficam sem acreditar
DOURADOS - MANIFESTAÇÕES
Dono da Havan manda 'recado' a manifestantes após protesto em frente a loja de Dourados