Menu
LIMIT ACADEMIA
terça, 23 de abril de 2019
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
ÁGUAS DE BONITO
Brasil

PF deve receber 5 mil submetralhadoras até novembro

28 Set 2004 - 17h43
O Sistema Nacional de Armas (Sinarm) da Polícia Federal espera receber até o fim de novembro cinco mil submetralhadoras da fábrica paulista URU, pela campanha do desarmamento. Na semana passada, por conta de uma decisão da Justiça de São Paulo, 6.462 armas do mesmo tipo (calibre Lugger 9 milímetros) foram recolhidas e agora serão destruídas pelo Exército.

As submetralhadoras pertenciam à empresa Lay-Out Comércio e Participações Ltda, que era acionista da URU. A Lay-Out pediu um empréstimo bancário e usou o armamento como garantia.

Segundo o chefe do Sinarm, Mário Marques, houve um acordo judicial e a 25ª Vara Cível de São Paulo determinou que a carga, que está no Depósito Central de Armas (DCA) do Exército, na Vila Militar, no Rio, fosse entregue à PF.

De acordo com Marques, a Lay-Out vai receber mais de R$ 1,9 milhão de indenização - R$ 300 por cada submetralhadora.

Ele contou que a URU faliu em 1980 e desde então as armas estão no DCA. Marques espera que uma decisão judicial favorável a entrega das 5 mil unidades restantes, que também foram dadas em garantia em outro empréstimo, saia até novembro. Desde o início da campanha do desarmamento do governo federal, em 15 de julho, 16.373 armas foram entregues ao Sinarm.

Agência Estado

Deixe seu Comentário

Leia Também

COMOÇÃO NAS REDES SOCIAIS
Morte de criança de 11 anos e de universitária em batida de carro causa comoção
IMAGENS FORTES
Homem se joga dentro de carro em chamas e morre após suposta traição da mulher
MENORES INFRATORES
Família de motorista de aplicativo rastreia carro e ajuda a desvendar crime bárbaro
POPULAÇÃO AGIU
Deficiente físico que vendia amendoim é assaltado
CAMPO BELO RESORT - PACOTE DIA DAS MÃES
Campo Belo Resort com pacote especial para Dia das Mães, confira e faça sua reserva
REVOLTANTE
Menina de seis anos que sumiu enquanto dormia é achada morta
100 GREVE
Governo fecha acordo com caminhoneiros e evita paralisação
CRÔNICA DA SEMANA
CRÔNICA DA SEMANA: 'Precisamos redescobrir o Brasil', por Luciano Gazola
CRUELDADE
Criança tinha o pênis amarrado com elástico e era torturada pelo pai e a madrasta
MORTE TRÁGICA
Adolescente de 13 anos morre após sofrer queda de bicicleta