Menu
SADER_FULL
RIO_DOURADOS
Busca
SUCURI_MEGA
Brasil

PF deve receber 5 mil submetralhadoras até novembro

28 Set 2004 - 17h43
O Sistema Nacional de Armas (Sinarm) da Polícia Federal espera receber até o fim de novembro cinco mil submetralhadoras da fábrica paulista URU, pela campanha do desarmamento. Na semana passada, por conta de uma decisão da Justiça de São Paulo, 6.462 armas do mesmo tipo (calibre Lugger 9 milímetros) foram recolhidas e agora serão destruídas pelo Exército.

As submetralhadoras pertenciam à empresa Lay-Out Comércio e Participações Ltda, que era acionista da URU. A Lay-Out pediu um empréstimo bancário e usou o armamento como garantia.

Segundo o chefe do Sinarm, Mário Marques, houve um acordo judicial e a 25ª Vara Cível de São Paulo determinou que a carga, que está no Depósito Central de Armas (DCA) do Exército, na Vila Militar, no Rio, fosse entregue à PF.

De acordo com Marques, a Lay-Out vai receber mais de R$ 1,9 milhão de indenização - R$ 300 por cada submetralhadora.

Ele contou que a URU faliu em 1980 e desde então as armas estão no DCA. Marques espera que uma decisão judicial favorável a entrega das 5 mil unidades restantes, que também foram dadas em garantia em outro empréstimo, saia até novembro. Desde o início da campanha do desarmamento do governo federal, em 15 de julho, 16.373 armas foram entregues ao Sinarm.

Agência Estado

Deixe seu Comentário

Leia Também

Acerto de Contas
Mulher é assassinada e companheiro é poupado pelos bandidos
Macabro
Filho que escondeu corpo de pai pode ser indiciado por três crimes
Novela
'Deus salve o rei': Catarina (Bruna Marquezine) mata Constantino
Novela Global
'Outro lado': Gael luta contra violência doméstica no fim
Monstro
Câmera flagra irmão à procura de menina que teria sido abusada por prefeito de Bariri
Perigo do Selfie
Três garotas caem de ponte de 20 metros ao tirarem fotos em Castelo
Campanha de filiações
Prisão de Lula faz disparar filiações ao PT
O Apocalipse
Arthur (Junno Andrade) fala na TV que Ricardo (Sergio Marone) ressuscitou em seu velório
BBB 18 - Vencedora
Veja a casa de Gleici, do'BBB 18': Sister teve o pai assassinado pelo tráfico e passou fome
Concurso Público
Polícia Federal publica autorização para promover concurso público com 500 vagas