Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
quinta, 17 de janeiro de 2019
LIMIT ACADEMIA
Busca
ITALÍNEA
Brasil

PF desmonta quadrilha de contrabando no PR e em MS

28 Mai 2007 - 13h56

A Polícia Federal iniciou hoje a Operação "Ouro Negro", com o objetivo de desarticular uma organização criminosa que atuava principalmente com contrabando e descaminho na região do Lago de Itaipu. Segundo a PF, 157 policiais cumprem mandados de prisão e 43 mandados de busca e apreensão em quase toda a costa oeste do Paraná e Mato Grosso do Sul. Foram feitas prisão e apreensões em Mundo Novo e Eldorado.

A PF explicou que, a princípio, acreditava-se que a quadrilha era especializada no contrabando de pneus, motivo pelo qual denominou-se a Operação de "Ouro Negro". Posteriormente, detectou-se que eles variavam o produto contrabandeado de acordo com o mercado e facilidade de escoamento.

O contrabando normalmente tinha início na compra de grande quantidade de mercadorias no Paraguai e sua conseqüente distribuição pelo Brasil. O fornecedor paraguaio ficava responsável pela colocação do produto em local pré-determinado na margem paraguaia do Lago de Itaipu, por onde a maioria das mercadorias era atravessada para o Brasil.

Os produtos eram recepcionados por brasileiros que residem no Paraguai e possuem fazendas às margens do Lago --eles eram estocados em depósitos até a passagem pelo Lago, que era feita com barcos e balsas. Durante a travessia, as pessoas atuavam como barqueiros, carregadores e na função de "batedores" (olheiro ou quem escolta a carga).

A PF explica ainda que, ao chegar ao porto brasileiro, os volumes eram carregados em caminhões de pequeno e médio porte e transportados até o depósito, normalmente localizado em zona rural nas proximidades do porto utilizado. O transporte até o destinatário final era feito normalmente em caminhões de grande porte e carretas, com os volumes acondicionados em fundos falsos.

Desde outubro de 2005, segundo a PF, a operação resultou na apreensão de cerca de R$ 2,3 milhões em mercadorias e em várias prisões, com 21 flagrantes realizados. Os presos responderão pelos crimes de contrabando, formação de quadrilha e corrupção ativa e passiva. 



Folha Online

Deixe seu Comentário

Leia Também

CARNAVAL É NO CAMPO BELO RESORT
Carnaval é no Campo Belo Resort, reserve já seu lugar nesse bloco - Confira os pacotes
MS EM ALERTA
Meteorologia alerta para a possibilidade de chuva forte no fim de semana no MS
DECEPCIONADA
Regina Duarte surpreende e se posiciona contra atitude de Bolsonaro
SATÂNICO
Mulheres são presas acusadas de torturar criança de apenas dois anos que teve rosto desfigurado
INSPIRAÇÃO
Idoso se forma em Direito aos 94 anos, após morte da esposa
POLEMICA
Movimento Gay quer tirar Bíblia de circulação no Brasil, diz Damares
TRAGÉDIA NA FAMILIA
Homem atira em esposa e se mata com granada
SUPERAÇÃO
Pedreiro cadeirante enfrenta difilculdades e sustenta a família trabalhando em obras
GASES MORTAIS
Homem morre após segurar peidos na casa da namorada
REALITY SHOW
'BBB 19': Danrley diz ser virgem, e irmã brinca: 'Nem no signo'