Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
terça, 19 de fevereiro de 2019
SADER_FULL
Busca
CANTINA BAH
Brasil

Petrobras faz convênio para transformar óleo de fritura em biodiesel

24 Set 2010 - 16h44Por Agência Petrobras

A Petrobras Biocombustível assinou nesta quinta-feira (23), convênio com a Rede de Catadores de Resíduos Sólidos Recicláveis do Estado do Ceará para desenvolver ações em conjunto para coleta de Óleos e Gorduras Residuais (OGR), em especial, o óleo de fritura, que será destinado à produção de biodiesel na Usina de Quixadá.

O evento, que aconteceu em Fortaleza (CE), reuniu cerca de 130 catadores e representantes de instituições parceiras.

Segundo o diretor de suprimento agrícola da Petrobras Biocombustível, Janio Rosa, o objetivo do convênio é estabelecer estrutura para qualificar a coleta do óleo, geralmente jogado na natureza, e aproveitá-lo como fonte de matéria-prima para biodiesel, gerando postos de trabalho e agregando valor e renda a uma atividade já realizada pelos catadores.

De acordo com levantamento feito pelo Grupo de Estudo e Pesquisa em Infraestrutura de Transporte e Logística de Energia, da Universidade Federal do Ceará, 52 milhões de litros de óleo de cozinha são despejados nos esgotos todo ano.

Logo, iniciativas semelhantes podem contribuir para reduzir a poluição da água e do meio ambiente.

Rede de Catadores

Desde 2007, a Rede de Catadores do Estado do Ceará desenvolve trabalho com materiais recicláveis, como papelão e ferro. Inicialmente, serão envolvidas neste projeto sete associações que incluem 250 catadores.

São elas

Associação Ecológica dos Coletores de Materiais Recicláveis da Serrinha e Adjacências (Acores), Associação Reciclando a Vida, Associação Amigos da Natureza, Raio de Sol, Grupo Dom Lustosa, Grupo da Maravilha e Grupo do Serviluz.

Inicialmente, o convênio prevê implantação de módulo de beneficiamento com capacidade para filtrar 30 mil litros por mês do óleo de fritura coletado, garantia de compra deste óleo, acompanhamento na gestão da entidade e treinamento para a coleta do OGR que poderá vir de restaurantes, hotéis, padarias, lanchonetes, bares e residências de Fortaleza e região metropolitana.

Também faz parte da parceria, a elaboração de material de divulgação com questões relativas à educação ambiental, além de apoio e assessoramento administrativo nas questões de interesse jurídico ou mesmo estatutário.

Assim, a iniciativa reúne produção de energia renovável, geração de renda e agregação de valor, e reaproveitamento do óleo de cozinha.

Deixe seu Comentário

Leia Também

ACIDENTE FATAL
Adolescente é atropelada quando levava pai em cadeira de rodas, veja o vídeo
VIOLENCIA DOMESTICA
'Não consigo reconhecê-la', diz irmão de mulher espancada no 1° encontro
O REI ROBERTO CARLOS
Roberto Carlos vestiu rosa e se mostrou contrário a projeto de Jair Bolsonaro
BRIGA NO PLANALTO
Magoado e traído, Bebianno não vai poupar filho de Bolsonaro
TRÁGICO
Mãe do piloto de Ricardo Boechat morre três dias após o filho
OUTROS 10 ESTADOS
Horário de verão termina à meia-noite; relógios devem ser atrasados em 1h
BARBÁRIE
Rosane Santiago Silveira, torturada e morta em sua própria casa
CARRO DE APLICATIVO
Mulher é estuprada após aceitar água e bala em carro de app
VIOLENCIA DOMESTICA
Enquanto Lírio Parisotto era condenado, Luiza Brunet discutia campanha contra violência doméstica
CANALHA
Criança de 4 anos é estuprada no próprio aniversário