Menu
SADER_FULL
sexta, 22 de fevereiro de 2019
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
ITALÍNEA
Brasil

Petrobras capta mais de R$ 100 bilhões

23 Set 2010 - 11h26Por Folha Online
Chega ao fim nesta quinta-feira a novela da capitalização da Petrobras, a maior captação de recursos já feita por uma empresa a partir das economias e das aposentadorias de milhares de pessoas no mundo.

A estatal deve levantar, de início, cerca de R$ 104 bilhões, dependendo do preço final das ações; mais de dois terços serão do governo, na forma de títulos pelos barris de petróleo do pré-sal.

Hoje se define o preço pelo qual serão vendidas as novas ações da empresa -- deve ficar próximo de R$ 26 para os papéis PN (sem voto) e de R$ 29 para os ON (com voto).

Batido o martelo, os novos papeis são distribuídos imediatamente (os bancos ficarão a madrugada inteira alocando os pedidos dos clientes) e começam a ser negociados já amanhã na Bolsa de Nova York.

No Brasil, a estreia de fato é na segunda, mas a festa na BM&FBovespa, com direito a discurso do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, será também amanhã.

Os valores serão fechados pelo conselho de administração da Petrobras no início da noite e dependem ainda do rumo dos negócios na BM&FBovespa hoje, última oportunidade para o mercado bater nas ações e baixar ainda mais o preço.

Se as ações desabarem hoje, a captação encolhe. Por outro lado, aumenta a venda de lotes adicionais.

Até a semana passada, a meta dos investidores mais agressivos era comprar os papéis PN na oferta por R$ 25, mas a expectativa foi frustrada pela alta inesperada das ações na segunda.

Não há uma versão oficial para a alta de segunda -- há quem fale na ação de "formadores de mercado", bancos contratados para não deixar os papéis desabarem tanto. Há uma adesão --não confirmada-- de fundos soberanos da Ásia, inclusive do Irã.

Se forem confirmados os preços de R$ 26 (PN) e de R$ 29 (ON), a Petrobras levantará R$ 104,3 bilhões com a venda integral das ações ofertadas inicialmente, sem contar os lotes adicionais.

Com os lotes extras, pode saltar para até R$ 133 bilhões. Em qualquer cenário, será a maior captação do mundo de recursos com venda de ações.

Deixe seu Comentário

Leia Também

PERSISTÊNCIA
Ex-faxineiro se forma em Jornalismo e já está empregado
O QUE IMPORTA PARA VOCÊ?
Equipe médica leva paciente de UTI à formatura do filho
INDIGNAÇÃO
Pedreiro desafia Rodrigo Maia: 'Trabalhe 30 dias numa obra, que trabalho até os 80'
AMOR INCONDICIONAL
Cadela espera toda noite pela chegada de Boechat, diz mulher do jornalista
VIOLENCIA DOMESTICA
Reconstrução de rosto de mulher espancada na Barra vai durar seis meses, diz médico
REFORMA DA PREVIDÊNCIA
Aposentadoria é para viver, não para receber só à beira da morte
CHANTAGEM
Ladrões invadem estabelecimentos, obrigam funcionárias a tirarem a roupa, filmam e extorquem vítimas
FORAGIDO
Atirador invade escritório de advocacia e mata duas pessoas
BBB 19
Rízia chora por estar acorrentada: 'Vontade de desistir'
LARANJADA
Deputados do PSOL distribuem laranjas na chegada de Bolsonaro à Câmara