Menu
LIMIT ACADEMIA
sábado, 16 de fevereiro de 2019
SADER_FULL
Busca
CANTINA BAH
Brasil

Pesquisa: Homens que ganham menos traem mais

23 Ago 2010 - 16h12Por

Uma nova pesquisa da Cornell University deve deixar as mulheres que ganham mais que seus maridos de cabelo em pé. De acordo com Christin Munsch, que conduziu o estudo, homens que ganham menos que suas esposas tendem a trair mais.  O pesquisador comparou respostas de homens entre 18 e 28 anos entre os anos de 2001 e 2007 sobre relacionamentos e quantidade de parceiras sexuais e constatou que os que permaneceram no mesmo relacionamento tendiam a trair cinco vezes mais.  

E no que o dinheiro influenciaria nisso? De acordo com Munsch, quem ganha mais, usualmente trabalha mais e isso envolve passar mais horas fora de casa, no escritório, deixando menos tempo para eventuais puladas de cerca.  Um dos motivos apontados pelo sociólogo para esse comportamento é o fato de salários menos influenciarem em como estes homens percebem sua masculinidade. 

 Se sentiriam ameaçados e como resposta procurariam outras mulheres para se auto-afirmar. Ele percebeu também que no caso das mulheres acontece o contrário, as que ganham melhores salários tendem a trair mais, justamente por se sentirem mais independentes e auto-confiantes. É claro que qualquer estudo envolvendo pessoas envolve exceções, então não vá achar que só porque ele ganha menos que você ele está saindo com mais alguém. 

 O que pode se dizer com certeza é que os papéis femininos e masculinos ainda são muito disparelhos em nossa sociedade e que embora as estatísticas às vezes apontem para dados trágicos, cada casal é um casal. A maneira como os dois lidam com essas questões certamente influencia muito mais no resultado da união do que os resultados de uma pesquisa científica.

Deixe seu Comentário

Leia Também

OUTROS 10 ESTADOS
Horário de verão termina à meia-noite; relógios devem ser atrasados em 1h
BARBÁRIE
Rosane Santiago Silveira, torturada e morta em sua própria casa
CARRO DE APLICATIVO
Mulher é estuprada após aceitar água e bala em carro de app
VIOLENCIA DOMESTICA
Enquanto Lírio Parisotto era condenado, Luiza Brunet discutia campanha contra violência doméstica
CANALHA
Criança de 4 anos é estuprada no próprio aniversário
HORARIO DE VERÃO
Atrase seu relógio! Horário de verão termina neste sábado(16)
CARCERE PRIVADO
Mulher é chicoteada com fio elétrico pelo marido
TRAGÉDIA NA FAMILIA
Lutador de MMA mata ex de 16 anos, tenta suicídio e morre horas depois em hospital
VIOLENCIA NO RIO
Menina de 11 anos é baleada e morta em Triagem; moradores protestam
DOENÇA GRAVE
Leiliane ganha acompanhamento médico após desastre com Boechat