Menu
SADER_FULL
domingo, 21 de julho de 2019
LIMIT ACADEMIA
Busca
ÁGUAS DE BONITO
Brasil

Pedreiro morre soterrado em obra de contenção de enchete

2 Mai 2007 - 17h17
Marco Ribeiro

Um pedreiro morreu e outro ficou ferido há pouco durante um desmoronamento na obra da contenção de enchete realizado pela DCA Engenharia contratada pela Prefeitura Municipal de Campo Grande. A construção tinha o objetivo de conter a água que se acumula na Avenida Afonso Pena, em frente ao Shopping da Capital, nos dias de chuvas intensas.

O operário morto foi identificado como Graciano Rodrigues de Oliveira, de 29 anos, que estava em companhia com José Ferreira, de 43 anos, escavando um buraco debaixo da avenida, quando a estrutura não suportou e soterrou os dois. Outros pedreiros que estavam pelo local chegaram até a socorrer Ferreira que foi encaminhado pelo Corpo de Bombeiros para o posto de saúde do Coronel Antonino com fortes dores no ombro direito.

Responsáveis pela obra compareceram ao local, mas não quiseram falar com a imprensa, alegando esperar a equipe da Perícia da Polícia Civil, pois o corpo de Oliveira ainda continua soterrado. A construção começou em novembro do ano passado e está em fase final, sendo que a valeta tinha 1,30 metro de profundidade e não possuía escora para proteção.

 

 

 

Mídia Max

Deixe seu Comentário

Leia Também

VICENTINA SENDO REPRESENTADA NO RJ
Vicentina será representada no Internacional de Masters South América de Jiu-jitsu no Rio de Janeiro
POLITICA
'Falar que passa-se fome no Brasil é uma grande mentira', afirma Bolsonaro
NOVELA GLOBAL
Maria da Paz se recusa a enxergar caráter de Josiane em 'A dona do pedaço'
REGIME SEMIABERTO
Goleiro Bruno deve sair da cadeia no fim da tarde desta sexta-feira
CASO RARO
Bezerro de seis patas chama atenção moradores de Santa Helena – Veja Vídeo
MONSTRUOSIDADE
Vizinho é preso suspeito de estuprar e estrangular menina de 8 anos
CASA PRÓPRIA
Recurso de R$ 1 bilhão é destinado ao Minha Casa, Minha Vida
VIDA SAUDÁVEL
Homem mais velho do Brasil falece no Rio de Janeiro
BASTA DE IMPRUDÊNCIA
Enlutada pelas mortes, população deixa faixa contra imprudência na PR-082
VIOLENCIA
Motorista atropela manifestantes do MST e mata um idoso