Menu
PASSARELA
segunda, 16 de julho de 2018
SADER_FULL
Busca
ITALÍNEA
Brasil

Paysandu bate Vasco e vence a terceira seguida

8 Set 2004 - 07h59
O Paysandu não se intimidou com o fato de estar jogando fora de casa, em São Januário, e bateu o Vasco por 1 a 0 na tarde desta terça-feira, na abertura da 29ª rodada do Campeonato Brasileiro.
 
Com esse triunfo, o terceiro consecutivo, o time paraense chega aos 35 pontos e alcança a 17ª colocação, se distanciando um pouco mais da zona de rebaixamento, onde figurou durante grande parte da competição.
  • O Vasco, por sua vez, perde a invencibilidade de quatro partidas e segue em 16º lugar, com os mesmos 35 pontos.

    O time carioca começou o jogo melhor, pressionando o Paysandu em seu campo e não dando espaços para o time paraense. Logo aos 4min, Ygor viu um buraco na defesa paraense, arrancou com a bola dominada pelo meio e arriscou chute de fora da área, mas mandou a bola longe do gol de Paulo Musse.

    Aos 9min, Valdir tentou driblar, foi desarmado na entrada da área, mas a bola sobrou para Diego chutar com perigo, sobre o gol do Paysandu. Cinco minutos depois, Anderson dividiu a bola com Paulo Musse, que, corajosamente, salvou gol certo.

    Os cruzmaltinos continuavam com mais posse de bola, mas tinham dificuldade de armar as jogadas em razão da forte marcação exercida sobre o camisa dez Petkovic. Com muitos erros de passe do Vasco, o Paysandu levava perigo ao gol de Tadic nos contra-ataques.

    Aos 23min, Leonardo cobrou escanteio da esquerda, o goleiro vascaíno vacilou e a bola bateu na trave. Cinco minutos depois, o Vasco teve a melhor chance de abrir o placar. Maurinho chutou a cabeça de Anderson na linha da pequena área e o árbitro marcou tiro indireto. Na cobrança, Petkovic rolou para Júnior, que tropeçou na bola e não conseguiu chutar.

    Aos poucos, o time paraense foi começando a gostar do jogo. Percebendo que o Vasco, apesar de criar diversas oportunidades, não assustava, muito em razão da má atuação dos atacantes Valdir e, sobretudo, Anderson. Aos 36min, Alexandre Pinho deu bom passe para Vinícius na direita. O atacante dominou e chutou cruzado, rente ao poste direito do gol de Tadic, que, assustado, pulou atrasado.

    Aos 39min, o Vasco voltou a ter boa chance de marcar, depois que Diego fez boa jogada pela esquerda e cruzou na área para Anderson. Contudo, o atacante cruzmaltino, livre de marcação, cabeceou para fora grande oportunidade.

    Dois minutos depois, Petkovic bateu escanteio da direita, Anderson desviou de cabeça e Henrique, na pequena área, perdeu outra boa chance de abrir o placar.

    O Vasco voltou para a segunda etapa disposto a marcar um gol logo no princípio. Aos 2min, Júnior descobriu Coutinho completamente livre na grande área, mas o vascaíno chutou para fora, à esquerda de Paulo Musse, perdendo boa chance.

    Aos 8min, Leonardo fez boa jogada pela esquerda e tocou no meio para Jóbson, que arrisca chute forte. Mas, para a sorte do Vasco e do goleiro Tadic, a bola foi para fora. Dois minutos depois, Anderson ganhou de Alex Pinho na velocidade, invadiu a área, mas chutou muito mal.

    A pressão do Vasco era grande, mas o time cruzmaltino cedia espaços generosos para os paraenses contra-atacarem. Aos 15min, Júnior deu ótimo lançamento na direita para Valdir, que foi à linha de fundo e cruzou na área para Petkovic. O camisa 10 vascaíno, no entanto, completamente livre, cabeceou a bola no travessão.

    Em seguida, Vinícius recebeu lançamento longo no ataque, driblou o desesperado goleiro Tadic e rolou a bola no meio da área para Leonardo abrir o placar: 1 a 0 Paysandu.

    Depois de sofrer o gol, o Vasco se desorganizou completamente, passando a buscar o empate na base da vontade. Com os atacantes muito mal no jogo, as melhores chances vascaínas eram em bolas paradas. Aos 21min, Petkovic cobrou falta da entrada da área, mas Paulo Musse conseguiu espalmar a bola para escanteio.

    Mesmo tendo grande parte do tempo a bola nos pés de seus jogadores, o time de São Januário não era objetivo e só aos 42min voltou a assustar o goleiro do Paysandu, depois que Anderson subiu sozinho na área e ajeitou a bola para Denílson perder gol feito.

    A situação poderia ter ficado pior para o time da casa aos 45min, quando, em mais um contra-ataque, Sandro foi lançado na área, driblou Tadic, chutou cruzado e Henrique salvou em cima da linha.

  •  

     

    Terra Redação

    Deixe seu Comentário

    Leia Também

    CONCURSOS - OPORTUNIDADES
    Concurso: 13 órgãos abrem as inscrições para 1,9 mil vagas nesta segunda
    FOI SALVAR O MELHOR AMIGO
    Jovem morre afogado após pular em rio para tentar salvar cachorro
    EDUCAÇÃO - FIES - INSCRIÇÕES
    Fies abre inscrições nesta segunda com 155 mil vagas para 2º semestre
    BOA NOTICIA
    Preço da gasolina nas refinarias cai para R$ 1,997
    NOVELA GLOBAL
    'Segundo sol': Karola vira escrava sexual de Remy
    BRIGA DE RUA
    Homem morre pendurado em grade
    FAMOSIDADES
    Luan Santana faz declaração emocionante a Padre Fábio de Mello: ''Obrigada pelos dias maravilhosos''
    ARTIGO - DIA DO ROCK
    DIA DO ROCK - ARTIGO: 'Há um tempo atrás não muito distante...', por Lucio Gazola
    DEUS SALVE O REI
    Catarina é desmascarada por Afonso e é presa
    NOVELA GLOBAL
    'Segundo sol': Manu é sequestrada e decide trabalhar como traficante para ficar com bandidos