Menu
SADER_FULL
quarta, 20 de fevereiro de 2019
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
ITALÍNEA
Brasil

Passaia foi incluído em programa de proteção à testemunha

2 Set 2010 - 14h18Por Campo Grande News
Autor da denúncia que resultou na prisão do prefeito de Dourados, secretários municipais e 9 dos 12 vereadores da cidade, o jornalista Eleandro Passaia foi incluído no programa de proteção à testemunha.

Secretário de Governo, Passaia era homem de confiança do prefeito Ari Artuzi e já havia ocupado a secretaria de Comunicação. “Como tinha habilidade para falar com a imprensa, ele [Artuzi] achava que teria habilidade para conversar com os vereadores”, afirma, ao explicar porque assumiu a principal secretária do município. Passaia passou a ser titular da secretaria de Governo em abril deste ano.

Ele conta que só então foi informado de “como as coisas aconteciam”, ou seja, do esquema de pagamento de propina a prefeito e vereadores e o direcionamento das licitações. “Fiquei bastante escandalizado, tinha muito desvio de dinheiro. Conhecia os postos de saúde, os hospitais e sabia que as pessoas sofriam”.

Passaia relata que acionou a PF (Polícia Federal) em maio e recebeu equipamentos para as gravações. “Sempre achei que faltavam recursos, mas o problema era a corrupção”.

Bandido – Eleandro Passaia afirma que só participou do esquema, repassando dinheiro ao prefeito e vereadores, para concretizar a denúncia. “Não sou bandido”. Portanto, afirma que não recebeu a delação premiada, benefício dado ao criminoso que aceite colaborar na investigação. “No processo, vou ser testemunha contra todos”.

Ameaça – Desde ontem, ele recebeu duas ameaças. “Falaram que isso não vai ficar barato. Mas não vou viver me escondendo”. Ele pretende passar uns dias fora de Dourados para “esfriar a cabeça”. “Mas nunca vou embora daqui”.

A PF prendeu 28 pessoas durante a Operação Uragano (furacão em italiano). No total, foram expedidos 29 mandados de prisão, mas uma pessoa, que segundo informações iniciais é um empresário, continua foragido.

Entre os detidos estão cinco secretários; nove vereadores; o procurador-geral Alziro Moreno; o Gestor de Compras da Prefeitura, Helton Farias; o controlador-geral, João Kruger; o vice-prefeito Carlinhos Cantor e a primeira-dama Maria Aparecida de Freitas.

Deixe seu Comentário

Leia Também

CHANTAGEM
Ladrões invadem estabelecimentos, obrigam funcionárias a tirarem a roupa, filmam e extorquem vítimas
FORAGIDO
Atirador invade escritório de advocacia e mata duas pessoas
BBB 19
Rízia chora por estar acorrentada: 'Vontade de desistir'
LARANJADA
Deputados do PSOL distribuem laranjas na chegada de Bolsonaro à Câmara
AMOR A PROFISSÃO
Pedreira caprichosa viraliza com trabalho detalhista e ganha novos clientes
FÁTIMA DO SUL - O BOTICÁRIO
O Boticário apresenta Quasar Brave, venha conferir no O Boticário em Fátima do Sul
SUPERAÇÃO
Jovem que morou 5 anos nas ruas se forma em Direito
FENÔMENO
Maior superlua de 2019 iluminará o céu nesta terça, 19
FAMOSIDADES
Padre sertanejo acusado de ostentação cobra entrada de idosos para assistir programa
ACIDENTE FATAL
Adolescente é atropelada quando levava pai em cadeira de rodas, veja o vídeo