Menu
LIMIT ACADEMIA
sexta, 24 de maio de 2019
SADER_FULL
Busca
AGÊNCIA BONITO THIAGO
Brasil

Partidos estimam gastar R$ 58 milhões na Capital

6 Jul 2004 - 08h25
Os cinco candidatos a prefeito de Campo Grande e 315 disputando 21 vagas de vereador estimam gastar R$ 58,6 milhões na campanha eleitoral. Esse dinheiro será para pagamento de cabos eleitorais, comitês, propagandas, produção de horário gratuito nas emissoras de rádio e televisão, comícios e outros gastos. Com esse orçamento, o custo calculado por voto do campograndense – 469,509 mil eleitores – será de R$ 124,8. Dividindo os gastos, os candidatos a prefeito vão desembolsar R$ 11,57 milhões e os 315 a vereador, R$ 47,03 milhões. 
A campanha mais cara será a do PMDB com os aliados: R$ 31 milhões. O partido e seus parceiros calcularam custo de R$ 28 milhões com seus 140 candidatos a vereador. Média de R$ 200 mil para cada um gastar na batalha por voto, enquanto o partido pretende desembolsar R$ 3 milhões para a campanha do deputado estadual Nelsinho Trad.

   

A matéria completa você encontra no jornal Correio do Estado

Deixe seu Comentário

Leia Também

CASA BOCA SUJA
morador instala placas com palavrões nos muros de casa
MACABRO
Mulher é encontrada morta ao lado de uma oferenda
AMOR AO PRÓXIMO
Acidentada e abandonada, idosa é adotada por mulher de 30 anos
TRISTEZA
Morre menina que teve o corpo queimado em tentativa de furto em oleoduto, em Duque de Caxias
CONCORRENCIA
Padre Fabio de Mello reclama de Bradesco na internet e é disputado por concorrentes
TRAGEDIA NO CHILE II
Morta com a família no Chile, jovem havia ganhado viagem de presente de 15 anos
MILIONARIO
Aposta de Aramina-SP fatura mais de R$ 11 milhões na Mega-Sena
TRAGÉDIA NO CHILE
Seis brasileiros são achados mortos em apartamento em Santiago, no Chile
BARBÁRIE
Mulher sobrevive a tentativa de feminicídio, mas fica tetraplégica
MAIOR PEDRA DO MUNDO
Homem de 51 anos passa por cirurgia e tem pedra de 1,3 Kg na bexiga