Menu
LIMIT ACADEMIA
segunda, 19 de agosto de 2019
SADER_FULL
Busca
ÁGUAS DE BONITO
Brasil

Parreira pode perder "estrelas" nas Eliminatórias

16 Ago 2004 - 16h49

A seleção brasileira embarcou no final da noite deste domingo e já está em Santo Domingo, na República Dominicana, de onde seguirá para o Haiti, na quarta-feira, para realizar o 'Amistoso da Paz' contra a equipe centro-americana, no mesmo dia, às 14h30m (horário de Mato Grosso do Sul).

O treinador Carlos Alberto Parreira, porém, pode ter alguns empecilhos quanto à escalação da equipe. Mais uma vez, o Milan não liberou o goleiro Dida, o lateral Cafu e o meia Kaká. Apesar do jogo ser realizado em uma data-Fifa, o clube italiano optou pela queda-de-braço com a CBF e o técnico pensa em não relacionar os atletas para dois importantes jogos em setembro. No dia 5, a seleção joga contra a Bolívia, em São Paulo, pelas Eliminatórias da Copa de 2006, e no dia, realizada um amistoso contra a Alemanha, em Berlim.

”A CBF tinha que tomar uma posição. Não é a primeira, nem a segunda. É a terceira ou a quarta vez que o Milan faz isso, em uma demonstração inequívoca de má vontade em não ceder os jogadores”, afirmou Parreira.

O treinador tinha relacionado os 18 jogadores da seleção, com os cinco não liberados. Depois chamou o zagueiro Cris, do Cruzeiro, e na última sexta-feira relacionou mais seis atletas: o goleiro Fernando Henrique e o meia Roger, do Fluminense; os meias Magrão e Pedrinho, do Palmeiras; o lateral Adriano, do Coritiba, e o atacante Nilmar, do Internacional.

O Brasil lidera uma missão de paz da ONU (Organização das Nações Unidas) no Haiti. O País vive crise política desde o início do ano, quando rebeldes avançaram contra a capital do País e provocaram a renúncia do então presidente Jean-Bertrand Aristide.

Lula irá assistir ao jogo em Porto Príncipe. Ele chegará no País na manhã do dia 18 e embarcará de volta a Brasília após a partida. A seleção também ficará apenas durante o dia do jogo no país. O elenco sairá de Miami pela manhã e retornará aos EUA no final da tarde.

Seleção faz apenas um treino

Os jogadores da seleção têm a segunda-feira livre em Santo Domingo e vão treinar nesta terça, às 15h, no estádio Olímpico da cidade, na única movimentação marcada para a partida.

Na única vez em que enfrentou o Haiti, no dia 21 de abril de 1974, em Brasília, a seleção, comandada na época pelo coordenador-técnico Zagallo, goleou por 4 a 0, gols de Paulo César Caju, Marinho Chagas, Rivelino e Edu. Informações do Globo On line

Deixe seu Comentário

Leia Também

VICENTINENSE DE CORAÇÃO
Após 30 anos dividindo palco, Erika Figueiredo aposta no solo e lança clipe, ASSISTA
SIAMESAS
Mulher dá à luz gêmeas siamesas de 3,700KG as duas
ACIDENTE DE TRABALHO
Homem morre ao ser puxado por colheitadeira quando fazia limpeza
TENTATIVA DE HOMICIDIO
Cansada de apanhar mulher desfere golpes de faca em companheiro
POLICIAIS CORRUPTOS
PMs são denunciados por ligação com tráfico; bandidos fizeram foto em caveirão
NOVELA GLOBAL
Camilo descobre segredo de Chiclete e Vivi em 'A dona do pedaço'
LIBERADO
PIS/Pasep para nascidos em agosto já está liberado
ALUCIENÓGENO
Video: Vovó fica doidona ao provar acidentalmente maconha do neto
TARADO AGIU NA IGREJA
Homem é preso após abusar de criança de 4 anos dentro de igreja
CRUELDADE
Adolescente que estava desaparecido foi brutalmente assassinado e queimado