Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
sábado, 16 de fevereiro de 2019
LIMIT ACADEMIA
Busca
ITALÍNEA
Brasil

Paraná e Paysandu brigam para fugir da zona de rebaixamento

24 Jul 2004 - 07h53
Na briga para não cair na zona de rebaixamento, Paraná e Paysandu duelam neste sábado, às 20h30, no estádio Pinheirão, em Curitiba, pela 18ª rodada do Campeonato Brasileiro. As duas equipes têm 17 pontos na competição e superam o Atlético-MG, 21º colocado, somente no número de vitórias conquistadas.

O técnico do Paraná, Gilson Kleina, anunciou seis mudanças na escalação da equipe que enfrenta o Paysandu.

O goleiro Flávio, recuperado de contusão, volta no lugar de Darci. Nas laterais, Cláudio e Vicente substituem Alex Silva e Edinho, respectivamente.

O volante Gilmar ganhou a posição de Beto, e o meia Cristian, a de Goiano. No ataque, Galvão, que cumpriu suspensão, volta no lugar de Marcel.

No Paysandu, a diretoria do clube corre atrás de novos reforços depois que o zagueiro argentino Galván anunciou seu desejo de deixar a equipe, alegando problemas pessoais.

PARANÁ
Flávio; Cláudio, Fernando Lombardi, Gelson Baresi e Vicente; Axel, Gilmar, Cristian e Canindé; Galvão e Sinval.
Técnico: Gílson Kleina

PAYSANDU
Paulo Musse; Carabina, Júlio Santos, Alex Pinho e Alonso; Sandro, Jóbson, Bebeto Campos e Hernani; Leonardo e Cláudio.
Técnico: Givanildo de Oliveira

Local: estádio Pinheirão, em Curitiba
Horário: 20h30
Juiz: Alício Pena Júnior (MG)
 
Folha Online

Deixe seu Comentário

Leia Também

BARBÁRIE
Rosane Santiago Silveira, torturada e morta em sua própria casa
CARRO DE APLICATIVO
Mulher é estuprada após aceitar água e bala em carro de app
VIOLENCIA DOMESTICA
Enquanto Lírio Parisotto era condenado, Luiza Brunet discutia campanha contra violência doméstica
CANALHA
Criança de 4 anos é estuprada no próprio aniversário
HORARIO DE VERÃO
Atrase seu relógio! Horário de verão termina neste sábado(16)
CARCERE PRIVADO
Mulher é chicoteada com fio elétrico pelo marido
TRAGÉDIA NA FAMILIA
Lutador de MMA mata ex de 16 anos, tenta suicídio e morre horas depois em hospital
VIOLENCIA NO RIO
Menina de 11 anos é baleada e morta em Triagem; moradores protestam
DOENÇA GRAVE
Leiliane ganha acompanhamento médico após desastre com Boechat
SOLIDARIEDADE
Jovem faz campanha para pagar cirurgia de cachorro que vive com tumor 'gigante'