Menu
SADER_FULL
segunda, 22 de abril de 2019
LIMIT ACADEMIA
Busca
ÁGUAS DE BONITO
Brasil

Palmeiras bate Botafogo com gol no fim

27 Out 2004 - 07h17
 Palmeiras conquistou um importante resultado na sua luta pelo título brasileiro ou por uma vaga na Copa Libertadores do próximo ano. Nesta terça-feira, no Palestra Itália, a equipe derrotou o Botafogo por 2 a 1 e somou a terceira vitória consecutiva, ratificando sua ascensão nas últimas rodadas.

O jogo estava empatado até os 44min do segundo tempo, quando Correa marcou o gol da vitória. Pelo segundo jogo consecutivo o time carioca leva um gols nos últimos minutos da partida. Contra o Vitória sofreu o empate (1 x 1) aos 47.

A vitória levou o Palmeiras aos 65 pontos, juntamente com São Paulo e São Caetano, mas com uma vitória a menos que ambos: 19 a 18. A distância para o Atlético-PR é de quatro pontos, mas pode chegar a seis se o Santos derrotar o Flamengo nesta quarta. O Botafogo permanece com 40 pontos e não consegue deixar o zona do rebaixamento.

Na próxima rodada, o Palmeiras enfrentará o Grêmio, sábado, em Pelotas, já que o time gaúcho foi punido pelo STJD e não poderá atuar no Olímpico. No mesmo dia, o Botafogo encara o Cruzeiro no Caio Martins.

Palmeiras e Botafogo fizeram um primeiro tempo muito equilibrado, com boas chances para os dois clubes e o gol só não saiu devido às boas atuações de Sérgio e Jefferson.

A primeira etapa também foi dos Ricardinhos. O palmeirense com a número nove e o botafoguense com a sete foram os responsáveis pelas melhores jogadas.

O Botafogo chegou com perigo aos 10min. Caio arrancou pelo meio e abriu para Ruy na direita. Ele dominou e, dentro da área, chutou forte, cruzado, sobre o travessão de Sérgio.

A resposta verde aconteceu aos 23min. Pedrinho cruzou da direita, Ricardinho subiu mais que os zagueiros e desviou de cabeça, a bola cruzou o gol e saiu com perigo pela linha de fundo.

Com objetivo distintos, um buscando o título, o outro lutando contra o rebaixamento, Palmeiras e Botafogo se lançaram ao ataque no final do primeiro tempo e criaram boas chances para o primeiro gol.

Aos 38min, Caio fez bom passe para Ricardinho dentro da área. O atacante girou rápido e chutou forte no ângulo esquerdo de Sérgio, que fez grande defesa espalmando para escanteio.

Dois minutos depois outra chance com Ricardinho, desta vez, o do Palmeiras. Após cruzamento de Baiano, Gláuber não conseguiu dominar, a bola sobrou para Ricardinho chutar forte, Jefferson espalmou, Nen pegou o rebote e a bola bateu nas costas de Fernando impedindo o gol.

A resposta do Botafogo veio no minuto seguinte. Jorginho Paulista foi lançado pela direita, ganhou de Nen, foi à linha de fundo e chutou no canto direito para boa defesa de Sérgio, que com as pernas, desviou para escanteio.

O segundo tempo começou quente. Estevam Soares colocou em campo o volante Claudecir e ele se transformou no destaque do jogo. Aos 55 segundos levou cartão amarelo. Aos 2min, abriu o placar.

Correa cobrou escanteio pela esquerda, Claudecir se antecipou na primeira trave, subiu mais que João Carlos e Gustavo, e desviou de cabeça para as redes.

Em seguida, Ruy e Diego Souza se desentenderam, se xingaram, e após a separação dos companheiros foram expulsos de campo, abrindo espaços na defesa do Botafogo.

Perdendo o jogo e precisando somar pontos, o Botafogo se lançou ao ataque e ficou exposto aos perigosos contra-ataques do Palmeiras.

Num deles, aos 12min, Ricardinho perdeu grande chance. Ele foi lançado na intermediária e, livre de marcação, entrou na área, escolheu o canto e chutou sobre Jefferson, que impediu o segundo gol.

O goleiro botafoguense fez outra grande chance aos 15min. Correa recebeu livre na entrada da área, olhou o goleiro adiantado e tocou no ângulo direito. Jefferson se recuperou no lance e deu um tapa na bola desviando para escanteio.

O empate do Botafogo aconteceu aos 32min, coroando a boa atuação de Ricardinho na partida. Ele foi lançado pela esquerda e chutou para o gol, Sérgio esperava por um cruzamento, saiu em direção à área e não conseguiu volta a tempo de fazer a defesa. A bola entrou entre a trave esquerda e o goleiro palmeirense, para festa do banco botafoguense e do técnico Bonamigo.

No final da partida, Magrão perdeu a chance da vitória. Lúcio recebeu dentro da área e fez bom passe encontrando Magrão livre de marcação quase na marca de pênalti. O volante esperou e chutou sobre Jefferson, que fez outra grande defesa, garantindo o empate.

O sofrimento palmeirense durou até os 44min. Pedrinho chutou forte da intermediária, a bola desviou na zaga do Botafogo, nas costas de Thiago Gentil e caiu nos pés de Correa chutar forte e acertar o ângulo direito marcando o gol da vitória.

 

 

Terra Redação

Deixe seu Comentário

Leia Também

DOENÇA DO SÉCULO
Yasmim Gabrielle, do ‘Programa Raul Gil’, se suicida após depressão
FATALIDADE
Bebê morre após ser esquecida pelo pai por três horas dentro do carro
IRRESPONSABILIDADE
Bebê de 1 aninho entra em coma alcoólico após pai dar cachaça com refrigerante
BONITO - MS - DICA AGÊNCIA ECO TOUR
Confira agora os 5 passeios mais românticos de Bonito (MS)
EM ÁUDIO VAZADO
Em áudio, Onyx diz que governo deu 'uma trava na Petrobras', caminhoneiros podem ficar sossegados
EMOÇÃO E RECOMEÇO
Mãe e filho se reencontram em hospital após desabamento de prédios
ACIDENTE FATAL
Três morrem em explosão provocada por vazamento de botijão de gás
NOVA PARALISAÇÃO
Ala dividida de caminhoneiros falam em greve no próximo dia 29 em todo o Brasil
CAMPO BELO RESORT - PARAÍSO É AQUI
Com noite Árabe e Italiana, PACOTE do dia 03 a 05 de maio já disponível para o Campo Belo Resort
NEGLIGÊNCIA FUNCIONAL
Menino de 12 anos foge de casa, burla esquema de segurança e embarca em avião