SUCURI_MEGA
FatimaNews - Notícias de Fátima do Sul e região
Fátima do Sul, 18 de Janeiro de 2018
RIO_DOURADOS
SADER_FULL
19 de Setembro de 2013 15h12

Palavrão de torcida da Ponte constrange Cléber Machado

Uol

O narrador Cléber Machado, da Globo, ficou constrangido durante a partida entre Corinthians e Ponte Preta. Ao tentar exaltar um grito da torcida da equipe campineira, o locutor parou de falar e deixou o som, mas foi surpreendido por uma sequência de palavrões.

Ao escutar a torcida da Ponte Preta cantar uma versão da música “O Meu Sangue Ferve por Você”, de Sidney Magal, o narrador exaltou as homenagens que os torcedores fazem aos clubes com canções famosas.

“Fiz silêncio para a gente ouvir a música que a torcida da Ponte está cantando. É uma torcida apaixonada, presente. O Corinthians teve através de sua torcida algumas músicas, não só o Corinthians, o Internacional tem com música do Mamonas, Corinthians com música do Tim Maia. Se não estiver enganado, a torcida da Ponte fez uma adaptação de uma canção de Sidney Magal. O Meu Sangue Ferve Por Você. Veja aí a adaptação”, disse o narrador no momento em que foi surpreendido pela canção.

“Ponte, eu te amo, Ponte, eu te amo, meu amor. Ponte, eu te amo, ei galinha vai tomar no c…, filha da p…”, cantou a torcida campineira.

Neste momento, o narrador, nitidamente sem graça na transmissão, começou a dar risada e tentar explicar o ocorrido. “É, também, ficou na parte menos poética da letra”, falou Cléber Machado, que ganhou o apoio de Caio Ribeiro.

“O final não foi tão poético assim”, brincou o comentarista enquanto dava risada.

Na sequência, Cléber Machado seguiu a locução, mas teve dificuldades para conter a risada ao narrar uma falta da equipe da casa.

Dentre de campo, a torcida da Ponte Preta comemorou uma vitória de 2 a 0 sobre o Corinthians, gols de Adaílton e Felipe Bastos.

Comentários
Veja Também
ÓTICA_DOURADOS
FARMÁCIA_CENTROFARMA_300
MBO_SEGURANÇA_300
Últimas Notícias
  
MBO_SEGURANÇA_300
Eventos
dothCom © Copyright FatimaNews - Todos os Direitos Reservados.