Menu
SADER_FULL
terça, 22 de janeiro de 2019
LIMIT ACADEMIA
Busca
CANTINA BAH
Brasil

ONU decide criar painel sobre a biodiversidade do planeta

15 Jun 2010 - 15h35Por Terra

Um painel aos moldes do IPCC, que é voltado para as mudanças climáticas, será criado pela Organização das Nações Unidas até 2011 com foco na biodiversidade. O objetivo é diminuir a distância entre a comunidade científica e a ação política necessária para deter a grave perda dos ecossistemas do planeta.

A criação do Painel Intergovernamental de Políticas Científicas sobre Biodiversidade e Ecossistema (IPBES, na sigla em inglês) foi definida na segunda-feira, 14 de junho, depois de reunião entre mais de 230 delegados de 85 países em Busan, na Coreia do Sul. O desenvolvimento do IPBES inclui a produção de publicações referentes à literatura científica do tema, com o objetivo de fornecer informação de excelência a governantes de todo o mundo.

"Em essência, o que se busca é conciliar desenvolvimento com sustentabilidade ambiental. Para isso, é crucial dispor de entendimento confiável, legítimo e politicamente relevante sobre biodiversidade e serviços ambientais", acrescentou Steiner.

Negociações
A ideia de formar o IPBES seguiu à publicação do relatório da ONU Avaliação do Milênio sobre Ecossistemas, publicado em 2005, que concluiu que as atividades humanas estão comprometendo a capacidade da Terra de sustentar as gerações futuras. As negociações que resultaram no acordo de Busan começaram em Paris, um ano depois. A implementação do novo painel será formalizada na 65ª sessão anual da Assembléia Geral da ONU, em setembro, e na reunião de ministros que será realizada pelo Pnuma, em 2011.

Um documento que certamente irá frequentar as publicações do IPBES é o intitulado A Economia de Ecossistemas e da Biodiversidade (Teeb, na sigla em inglês), que reúne experiências, conhecimentos e habilidades em nível mundial nos campos da ciência, economia e política de modo a permitir ações concretas e eficientes em resposta ao visível impacto causado pelas crescentes perdas da diversidade biológica. Os resultados finais do estudo serão apresentados em outubro, durante a décima Conferência das Partes da ONU sobre Biodiversidade (COP10), em Nagoya (Japão).

Deixe seu Comentário

Leia Também

CENAS FORTES
Vídeo flagra mulher sendo agredida por ex-marido com socos e chutes
GUERRA NO RJ II
Parentes de mortos durante chacina em São Gonçalo e Itaboraí dizem que vítimas eram inocentes
GUERRA NO RJ
Chacina deixa pelo menos 7 mortos na Região Metropolitana do Rio
BBB 19
Famosos protestam contra Maycon por agredir animais e mãe o defende: 'Não é um monstro'
MORTE A ESCLARECER
Exército investiga morte de sargento após teste de aptidão física
CASO DE POLÍCIA
Rapaz morre em pátio de motel
MINISTRA DO MS NO GOVERNO BOLSONARO
Ministra Tereza Cristina garante fortalecer cadeia do leite e agricultura familiar
PROBLEMAS MENTAIS
Casal é brutalmente agredido a enxadadas pelo filho
BARRADO
Filho do cantor Marciano diz ter sido impedido de ir no velório do pai
A COBRA VAI FUMAR - SEGURANÇA NO MS
MS fecha o cerco contra a violência na fronteira em mega operação